Time misto do Cruzeiro encara Atlético-GO para confirmar vaga na Copa do Brasil

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Equipe mineira venceu a partida de ida, em casa, por 5 a 0 e tem larga vantagem

Divulgação/Vipcomm
Marcelo Oliveira usará time misto

O Cruzeiro abriu ótima vantagem no jogo de ida da Copa do Brasil contra o Atlético-GO, com uma vitória por 5 a 0, no Mineirão, o que vai permitir ao técnico Marcelo Oliveira escalar uma equipe com vários reservas no jogo de volta, nesta quarta-feira, às 19h30, no Serra Dourada, em Goiânia. Os mineiros podem até perder por quatro gols de diferença que, mesmo assim, seguem adiante na disputa.

Comente esta notícia com outros torcedores

Apesar da vantagem, o pensamento de todos na Toca da Raposa é de conquistar mais uma vitória e manter a boa fase que a equipe celeste atravessa na temporada. Em 29 jogos disputados até agora, o Cruzeiro venceu 23 deles, empatou quatro e perdeu apenas dois, com 77 gols marcados e somente 23 sofridos.

O técnico Marcelo Oliveira ressalta a necessidade de o Cruzeiro encarar a partida com total profissionalismo, sem comodidade, para evitar qualquer surpresa, mesmo usando uma formação mesclada. "O grande perigo desse jogo é a comodidade, achar que já está definido. Nós temos uma sequência de bons jogos, de vitórias e a gente precisa confirmar isso novamente. Jogar em um time como o Cruzeiro, pela sua tradição e grandeza, não dá para jogar apenas por jogar", afirmou.

Apenas três jogadores considerados titulares vão entrar em campo: o goleiro Fábio, o lateral esquerdo Egídio e o meia-atacante Ricardo Goulart. O treinador celeste explicou que a decisão de poupar alguns atletas é fruto do bom resultado no jogo de ida, mas o técnico ainda não considera a classificação como garantida.

"Entendemos que encaminhamos a classificação, mas não é definitiva. O futebol pode tudo. Fizemos um estudo dos jogadores mais desgastados. Temos um jogo importantíssimo no sábado pelo Brasileiro, mas vamos com time bastante competitivo", argumentou.

Com a necessidade de marcar seis gols de diferença para poder se garantir na próxima fase da Copa do Brasil, o atacante Pipico considera quase impossível o Atlético-GO eliminar o Cruzeiro, mas prometeu que dentro de campo não vai faltar disposição para buscar uma vitória.

"A gente sabe que é uma missão muito complicada pelo resultado do primeiro jogo. Mas aqui no Serra Dourada o Atlético-GO é forte e no futebol não podemos falar que uma coisa é impossível. Então vamos entrar em campo e tentar buscar uma vitória para dar mais confiança para os próximos jogos", declarou.

Para a partida contra o Cruzeiro, René Simões não conta com Anselmo, já que o atacante participou da competição desse ano pelo Ceará. Ricardo Jesus é o provável substituto. Na lateral-direita, Rafael Cruz mais uma vez vai desfalcar o time titular, já que também disputou a Copa do Brasil pelo Ceará. Diogo Campos deve ser improvisado na posição.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-GO X CRUZEIRO

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 17 de julho de 2013, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Arbitro: Raphael Claus (SP)
Assistentes: Vicente Romano Neto (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)

ATLÉTICO-GO: Márcio; Diogo Campos, Ednei, Diego Giaretta e Mahatma Gandhi; Dodó, Marino, Robston e João Paulo; Juninho e Ricardo Jesus
Técnico: Renê Simões

CRUZEIRO: Fábio; Lucas Silva, Paulão, Léo e Egídio; Leandro Guerreiro, Uelliton, Tinga e Lucca; Ricardo Goulart e Anselmo Ramon
Técnico: Marcelo Oliveira

Leia tudo sobre: cruzeiroatletico gocopa do brasil

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas