Dorival indica Juninho Pernambucano e Montoya entre os titulares do Vasco

Por iG São Paulo * | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Treinador já prepara o time para atuar no esquema 4-3-3 no clássico diante do Fluminense, neste domingo, no Maracanã

Marcelo Sadio/vasco.com.br
Dorival Júnior deve montar o Vasco no 4-3-3 no clássico diante do Fluminense

Apenas cinco times da Série A do Campeonato Brasileiro têm um ataque pior do que o do Vasco até agora - Atlético-MG, Corinthians, Goiás, Portuguesa e Náutico. Com isto, o técnico Dorival Júnior corre contra o tempo antes do clássico com o Fluminense, marcado para este domingo, no Maracanã.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

No treinamento na manhã desta quarta-feira, em São Januário, o treinador priorizou o ataque, que marcou apenas oito gols por enquanto. No setor ofensivo, ele promoveu as entradas de Juninho Pernambucano e Montoya, recém-contratados pelo clube carioca, no esquema tático 4-3-3.

Veja ainda: Jogo-treino dos reservas vascaínos mostra boas opções para Dorival

A provável escalação para o jogo deste final de semana é a seguinte: Michel Alves; Henrique, Renato Silva, Rafael Vaz e Nei; Wendel, Pedro Ken e Juninho Pernambucano; Montoya, André e Éder Luís. O volante Sandro Silva foi o desfalque mais sentido das movimentações desta quarta.

No entanto, Juninho Pernambucano e Montoya ainda não foram inscritos no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF. O departamento jurídico vascaíno garantiu que os dois reforços serão regularizados até esta sexta, no máximo, só dois dias antes do clássico no novo Maracanã.

O Vasco é o 17º colocado da competição nacional, com sete pontos e abrindo a zona de rebaixamento. O time ainda vem de uma derrota para o arquirrival, o Flamengo, no último final de semana, já sob o comando de Dorival Júnior - Paulo Autuori havia trocado a equipe pelo São Paulo.

Técnico quer time veloz e pressionando
Se o treinador tiver sucesso os torcedores irão perceber uma equipe mais veloz na troca de passes e na saída de bola para o ataque, além de marcando sob pressão, no duelo deste domingo, às 18h30 (de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro.

"O Dorival Júnior vem trabalhando muito com a gente para que o Vasco melhore seu desempenho em vários fundamentos e também possa ter uma postura que crie mais dificuldades ao adversário. Temos que ser um time de muita movimentação quando estamos com a posse de bola, para confundir a marcação do adversário. Além disso, a marcação precisa começar sempre na frente, criando problemas para que o nosso adversário possa sair para o jogo tocando a bola com dificuldade", afirmou o atacante Eder Luis.

O volante Wendel, que vem atuando de maneira improvisada na lateral esquerda, tem o mesmo sentimento em relação aos primeiros dias de trabalho do novo treinador do Vasco.

"O Dorival tem pedido muito para que a gente não dê vida fácil para o nosso adversário, marcando sob pressão e encurtando os espaços. É importante que a gente fique a maior parte do tempo com a posse de bola e saiba o que fazer com isso, tocando com velocidade de um lado para o outro do campo. Apesar do pouco tempo de trabalho já deu para perceber o que ele espera de nós. Vamos aproveitar que não estamos tendo jogos neste meio de semana para assimilarmos rapidamente e colocarmos algo em prática já diante do Fluminense", revelou o volante.

* Com Gazeta Esportiva
Leia tudo sobre: VascoJuninho PernambucanoMontoyaBrasileiroDorival Júnior

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas