Em reformulação, Santos demite gerente de marketing do clube

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Armênio Neto, que ocupava a gerência de marketing do clube praiano, foi demitido no último fim de semana

O Santos segue em processo de reformulação e, no final da semana passada, demitiu Armênio Neto, que ocupava a gerência de marketing do clube praiano. A direção do Santos analisa ainda quem será o substituto de Neto no cargo. O profissional teve participação efetiva na engenharia financeira que possibilitou a contratação do atacante Robinho, por empréstimo junto ao Manchester City (Inglaterra), em 2010.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Armênio Neto também foi responsável por arrecadar patrocínios pessoais, que possibilitaram a permanência de Neymar na Vila Belmiro, no projeto de carreira que era mantido pelos santistas ao jogador. No entanto, sem acertar o anunciante master da camisa alvinegra para a atual temporada, Neto começou a ser questionado nos bastidores do Santos.

Leia mais: Sem acordo com Kleber, Santos desiste da contratação do atacante

Além de Armênio Neto, o superintendente administrativo, Henrique Schlithler, foi despedido na última quarta-feira e, também, não integra mais o quadro de funcionários do clube. Antes de Neto e Schlithler, outros profissionais já tinham sido demitidos no Peixe: o superintendente de esportes, Felipe Faro, bem como os advogados Fábio Gonzalez e João Vicente Gazolla. No departamento de futebol, o técnico Muricy Ramalho e o preparador de goleiros, Oscar Rodriguez, também foram despedidos recentemente.

Leia tudo sobre: Santosmarketing

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas