Lomba pega dois pênaltis e garante 0 a 0 entre Bahia e Ponte Preta

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Goleiro defendeu cobranças do artilheiro William, um dos mais abalados com o quinto jogo sem vitória da Macaca em Campinas

Gazeta Press
Marcelo Lomba defendeu dois pênaltis e garantiu para o Bahia o empate por 0 a 0 com a Ponte Preta

No último jogo de sábado da 7ª rodada do Campeonato Brasileiro, Ponte Preta e Bahia se enfrentaram no Moisés Lucarelli em partida marcada pelo excesso de faltas e cartões. O placar foi de 0 a 0 graças aos pênaltis defendidos pelo goleiro Marcelo Lomba em duas cobranças do artilheiro William, um dos mais abalados com o quinto jogo sem vitória da Macaca em Campinas.

O primeiro tempo teve um lance de perigo para cada equipe, mas o que chamou a atenção foi a dificuldade encontrada pelo árbitro Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro em comandar a partida. Na etapa complementar, o destaque foi Lomba ao segurar os penais cobrados por William. Agora a Macaca soma sete pontos, contra 12 do Esquadrão de Aço, que tem um jogo a mais.

Na próxima rodada, a oitava da competição nacional, o Bahia tem pela frente o quinto clássico com o Vitória na temporada. Os tricolores buscaram o primeiro triunfo às 16h (de Brasília) do próximo domingo na Arena Fonte Nova. Já a Ponte visita o Atlético-MG às 18h30, também no domingo, na Arena Independência.

FICHA TÉCNICA - PONTE PRETA 0 X 0 BAHIA

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 13 de julho de 2013 (sábado)
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)
Assistentes: Kleber Lúcio Gil (SC) e Lourival Candido das Flores (RN)
Cartões amarelos: Rildo, Ramírez e Baraka (Ponte Preta); Diego, Marquinhos Gabriel, Anderson Talisca, Lucas Fonseca, Marcelo Lomba, Fahel e Diones (Bahia)

PONTE PRETA: Roberto; Artur (Tiago Cametá) (Giovanni), Ferron, Diego Sacoman e Uendel; Baraka, Paulo Roberto (Adrianinho) e Ramírez; Chiquinho, Rildo e William
Técnico: Paulo Cesar Carpegiani

BAHIA: Marcelo Lomba; Madson, Diego (Feijão), Lucas Fonseca e Raul; Fahel, Rafael Miranda, Diones e Anderson Talisca; Marquinhos (Wallyson) e Fernandão (Souza)
Técnico: Cristóvão Borges

Leia tudo sobre: ponte pretabahiabrasileirão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas