O goleiro francês Areola garantiu a conquista com duas defesas nas penalidades. Era o título que faltava para o país europeu no futebol

O Uruguai tinha a melhor defesa da competição, mas, do outro lado, a França mostrava um desempenho muito bom no ataque ao longo das finais, aplicando goleadas nas quartas e nas oitavas. Se o prognóstico indicava um jogo de ataque contra defesa, os 90 minutos iniciais mostraram uma partida muito equilibrada em que ninguém balançou as redes.

Gana exerce favoritismo e bate o Iraque na decisão do 3º lugar do Mundial sub 20

Desta forma, europeus e sul-americanos precisaram da prorrogação, mas também não foi o suficiente para definir o campeão. Com mais tranquilidade, os franceses tiveram 100% de aproveitamento, enquanto o goleiro Areola garantiu o Mundial Sub-20 com duas defesas. Era o título que faltava para a França.

Franceses comemoram o título inédito no Mundial sub 20
Reuters
Franceses comemoram o título inédito no Mundial sub 20

O jogo
As duas equipes brigavam pelo título inédito da competição e não tiveram vida fácil para chegar à decisão. A França, com um ataque muito competente ao longo do Mundial, eliminou Gana nas semifinais com uma vitória suada por 2 a 1. O Uruguai, por sua vez, teve ainda mais dificuldades. A equipe celeste foi buscar o empate com o Iraque no tempo normal e precisou dos pênaltis para avançar na competição.

O caminho mais árduo poderia ter deixado o Uruguai mais desgastado para a decisão, mas a equipe sul-americana deixou evidente uma das características marcantes de sua história e mostrou muita determinação em campo. A França, que se destacou na competição com seu poder ofensivo, ensaiou uma pressão desde o apito inicial, mas não conseguiu balançar as redes e permitiu o equilíbrio com o passar do tempo.

Com o jogo mais equilibrado, no entanto, as duas equipes preferiram apostar no erro do adversário. O Uruguai quase teve melhor sorte aos 19 minutos da etapa inicial, quando a defesa francesa falhou, mas Lopez parou no goleiro Areola. Nos 45 minutos iniciais, o time europeu dominava, mas a Celeste era mais objetiva, ainda assim não balançou as redes.

França e Uruguai empataram no tempo normal e na prorrogação
Getty Images
França e Uruguai empataram no tempo normal e na prorrogação

Na volta do intervalo, o Uruguai voltou ainda melhor. Aos 12 minutos, a equipe celeste já tinha chutado dez vezes ao gol, enquanto o adversário arriscou apenas seis. Aos 20 minutos da etapa complementar, o time sul-americano teve a melhor oportunidade. Lopez recebeu bom lançamento na área, com dois companheiros do seu lado, mas o atacante foi egoísta, quis arriscar para o gol e errou o alvo.

Já nos minutos finais, a França voltou a oferecer perigo ao time uruguaio. Aos 39 do segundo tempo, Veretou arriscou de fora da área, a bola ganhou velocidade, mas De Amores mostrou o motivo pelo qual o Uruguai foi a melhor defesa da competição e jogou para escanteio. O lance deixou o fim de jogo muito movimentado, já que os franceses tentaram pressionar, enquanto a seleção celeste não deixou de chegar com perigo nos contra-ataques.

Sem gols, a partida seguiu para a prorrogação e o cansaço ficou evidente nas duas equipes. Já sem conseguirem manter o mesmo padrão de jogo, França e Uruguai apostavam em jogadas isoladas, mas não demonstravam o mesmo volume de ataque nos 30 minutos que seriam destinados ao desempate. Desta forma, os pênaltis ficaram encarregados de definir o inédito campeão do Mundial sub-20.

A França começou batendo e Pogba colocou sua equipe na frente. O Uruguai, por sua vez, desperdiçou sua cobrança. Veretout manteve o 100% de aproveitamento para os franceses, enquanto a equipe celeste errou mais uma. Com a boa vantagem, a equipe europeia não errou mais, mostrou tranquilidade e garantiu o inédito título do Mundial Sub-20.

França é campeã mundial sub 20
Reuters
França é campeã mundial sub 20


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.