Jogador recebeu cartão vermelho na derrota do São Paulo por 2 a 1 ao tentar dominar a bola com a mão e foi xingado de pipoqueiro pelas arquibancadas do Morumbi

Luis Fabiano aplaude ironicamente a torcida do São Paulo ao ser expulso em jogo contra o Bahia
Gazeta Press
Luis Fabiano aplaude ironicamente a torcida do São Paulo ao ser expulso em jogo contra o Bahia

Durou pouco o período de paz entre Luis Fabiano e a torcida do São Paulo . Exatos oito dias depois de falar publicamente que está feliz e não pretende deixar o clube, o atacante voltou a bater de frente com as arquibancadas. Vaiado e xingado de “pipoqueiro” ao ser expulso na derrota por 2 a 1 para o Bahia na última quarta-feira, o camisa 9 respondeu com aplausos irônicos.

LEIA:  São Paulo apresenta Paulo Autuori como novo treinador na tarde desta quinta

O cartão vermelho veio quando Luis Fabiano tentou dominar um lançamento com a mão. ele já havia recebido o amarelo no primeiro tempo por cometer falta em um defensor da equipe baiana. O atleta, inclusive, já havia mostrado destempero por causa deste lance.

E AINDA: Mais indisciplinado do São Paulo, Luis Fabiano não cumpre a própria meta

“Tomei uma chegada, o cara não pegou a bola e o árbitro não deu nada. Eu fiz uma falta normal de jogo e recebi. Não fui agressivo, simplesmente joguei o corpo", reclamou o camisa 9 ainda no intervalo.

MAIS: Diretoria do São Paulo 'foge' por vestiario dos visitantes após nova derrota

Depois de expulso o atacante saiu calado. Mas acenou contra os torcedores que o xingavam. Ponto final para uma paz selada na última semana. Alvo de críticas por conta das eliminações do Paulistão e da Copa Libertadores, Luis Fabiano chegou a dizer que estava chateado e sua transferência foi cogitada pela diretoria tricolor.

Neste ano, o jogador já havia sido expulso uma vez. Diante do Arsenal, da Argentina, pela fase de grupos da competição continental, ele recebeu o cartão vermelho por ter ido reclamar com o árbitro depois do apito final.

O JOGO:  São Paulo tem dois expulsos, perde para o Bahia e sai xingado pela torcida

Único representante do São Paulo ao falar após o revés da última quarta-feira, o técnico interino Milton Cruz tentou absolver Luis Fabiano.

“Ele tem esse temperamento porque quer vencer. Nosso time, infelizmente, não criou jogadas de gol para ele. Quando as coisas não estão dando certo, você quer arrumar um jeito de decidir e essas coisas acontecem e você acaba sendo expulso”, disse Cruz.

“O Luis é um grande profissional, quer vencer. Ele poderia ter saído, mas ficou no São Paulo porque quer ajudar a gente a conquistar títulos”, completou o interino.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.