Walter comemora fim de jejum e promete "dar a vida" por boa forma

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Apesar dos bons números no Campeonato Goiano, o atacante é criticado por parte da torcida goiana devido a seu evidente sobrepeso

Artilheiro do Goiás no primeiro semestre, Walter demorou a deslanchar no Campeonato Brasileiro. Seu primeiro gol no nacional, no entanto, valeu o triunfo por 1 a 0 sobre o Vitória, neste domingo. Feliz com o fim do jejum, o atacante "gordinho" promete empenho máximo para seguir evoluindo.

"Era um time que era vice-líder e jogamos muito bem. Nossa defesa jogou muito nessa partida e acertamos o time. Foi uma vitória importante", exalta o camisa 18, que finalmente foi às redes no nacional.

"Tive duas chances sozinho, uma com a cabeça e outra com o pé. Atacante não pode perder esses gols que perdi no primeiro tempo. Sai chateado, fiquei abalado porque podia mudar a história do jogo. Mas meus companheiros vieram me apoiar e pude marcar de cabeça, que não é meu forte. Fico feliz porque eram quatro jogos sem marcar no brasileiro e atacante vive de gols", comemora.

Apesar dos bons números no Campeonato Goiano, Walter é criticado por parte da torcida goiana devido a seu evidente sobrepeso. Na pausa para a Copa das Confederações, o atacante seguiu à risca recomendações do técnico Enderson Moreia e vê evolução em sua forma física.

"Vejo fotos minhas de duas semanas atrás e percebo que mudou e isso é bom para mim. Falta pouco para chegar ao ponto que o professor quer e não vou relaxar, porque se isso acontecer ele com certeza vai me tirar do time. Vou dar a vida nesses seis meses e quem sabe renovar dois ou três anos, porque estou apaixonado por esse time", conclui.

Leia tudo sobre: goiáswalterbrasileirão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas