Time inglês ganhou força na disputa pela negociação nos últimos dias e desembolsaria cerca de R$ 88,5 milhões pelo atacante argentino

Higuaín: atacante está perto de deixar o Real Madrid
SUSANA VERA/REUTERS/Newscom
Higuaín: atacante está perto de deixar o Real Madrid

Em fase de transição depois da saída de José Mourinho e chegada de Carlo Ancelotti, o Real Madrid passa por algumas mudanças em seu elenco. Com desempenho irregular na última temporada, o atacante Gonzalo Higuaín é um dos mais cotados para deixar o clube. Em entrevista ao site Tuttomercatoweb , o pai do atleta, Jorge Higuaín, confirmou que seu filho está próximo de acerto com Arsenal.

"Nós não negociamos com um clube sem que haja um acordo prévio com a equipe que deseja vendê-lo. Temos permissão para negociar e acredito que em breve poderemos resolver a ida de meu filho para o Campeonato Inglês", explicou.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Além do Arsenal, outro clube que mostrou interesse na contratação de Higuaín foi a Juventus. Entretanto, o time italiano acertou com Carlos Tevez, do Manchester City, e diminuiu sua concentração no centroavante. Assim, o Arsenal ganhou força na disputa pela negociação e desembolsaria 30 milhões de euros (aproximadamente R$ 88,5 milhões) pelo jogador.

Leia mais sobre futebol inglês no blog God Save the Ball

Higuaín chegou ao Real Madrid em dezembro de 2006, contratado por 12 milhões de euros (cerca de R$ 35,4 milhões, em valores atuais), junto ao River Plate. Desde então, conquistou tricampeonato nacional, duas edições da Supercopa da Espanha e uma Copa do Rei. Além disso, foi titular da Argentina na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul.

Na última temporada, o camisa 20 entrou em campo em 44 oportunidades pelo time branco, sendo 27 como titular, e marcou 18 gols. A venda de Higuaín facilitaria a contratação do centroavante uruguaio Edinson Cavani, do Napoli, principal desejo de Carlo Ancelotti para posição.

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.