Campeão carioca recebe catarinenses no Raulino de Oliveira, nova casa com a interdição do Engenhão

Jefferson está de volta ao Botafogo após ser campeão pelo Brasil
Satiro Sodre/SSPress
Jefferson está de volta ao Botafogo após ser campeão pelo Brasil

O Botafogo recebe o Figueirense nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ), pela rodada de ida da terceira fase da Copa do Brasil na volta da intertemporada dos clubes por conta da disputa da Copa das Confederações .

Comente esta notícia com outros torcedores

O Botafogo eliminou o CRB-AL na etapa anterior, ganhando por 3 a 0 em casa, após empate sem gols como visitante. Já o Figueirense despachou o Arapongas-PR ganhando por 3 a 1 em Santa Catarina, também tendo empatado sem gols na ida. O duelo de volta entre as equipes está programado para 24 de julho.

Oswaldo de Oliveira, técnico do Botafogo, conversou com seus comandados sobre os cuidados que eles precisam ter com o Figueirense, quinto colocado na Série B do Campeonato Brasileiro. O treinador botafoguense vê o rival como muito perigoso nos contra-ataques.

Leia mais : Campeão com a seleção, Jefferson projeta títulos na temporada pelo Botafogo

"O Figueirense é um time muito perigoso, pois consegue se defender com eficiência, vai encurtar espaços e tentar irritar a nossa equipe com uma forte marcação. Vamos precisar de muita cautela para não cairmos no jogo deles, pois a afobação vai complicar demais a nossa vida. Temos que ganhar o jogo, pois a volta é na casa deles. Mas não podemos sofrer gols, pois a Copa do Brasil valoriza demais isso", declarou.

O bom histórico em casa tem sido valorizado. Desde que o Engenhão foi fechado por problemas estruturais, o Botafogo adotou o Raulino de Oliveira como casa e tem se dado bem. Em Volta Redonda eliminou Sobradinho e o CRB, além de conquistar o título carioca. No Campeonato Brasileiro, derrotou Santos e Cruzeiro por 2 a 1.

"O Raulino de Oliveira tem sido um local onde estamos conseguindo jogar bem e render o esperado. Conquistamos o Carioca, ganhamos nossos jogos no Brasileiro e passamos de fases na Copa do Brasil. Portanto, temos que aproveitar este momento para conseguirmos uma boa vitória sobre o Figueirense e encaminharmos a classificação", declarou o zagueiro Bolívar.

Leia mais : Oswaldo aprova Arena Pernambuco para clássico, mas lamenta desgaste

O Botafogo já não pode contar com o meia Fellype Gabriel, que foi negociado com o futebol dos Emirados Árabes Unidos. Pelas características de marcar e atacar com eficiência o jogador, homem de confiança de Oswaldo de Oliveira, é tido como uma perda considerável. Cabe a Vitinho a missão de substituí-lo. O goleiro Jefferson e o meia Lodeiro retornam após servirem Brasil e Uruguai, respectivamente, na Copa das Confederações.

Adilson Batista, técnico do Figueirense
Site oficial
Adilson Batista, técnico do Figueirense

Pelo lado do Figueirense, o técnico Adilson Batista aproveitou o período sem jogos para corrigir alguns erros e gostou do desempenho de sua equipe no empate por 2 a 2 com o Coritiba , em amistoso disputado na semana passada. Ele entende que o time está preparado para este compromisso diante dos cariocas.

"Pelo que mostramos contra o Coritiba eu posso dizer que estamos prontos para tentarmos derrotar o Botafogo, pois podemos jogar de igual para igual", afirmou o treinador.

Os jogadores, por outro lado, deixam claro o respeito ao rival. "O Botafogo tem um elenco de maior qualidade, isso não dá para negar. Mas podemos superá-lo na base da vontade, pois estamos acreditando que podemos avançar de fase", comentou o zagueiro Douglas Silva.

Em termos de escalação ele também sofre com um considerável desfalque. O volante William Magrão rompeu o tendão de Aquiles do pé direito e com isso fica de fora por tempo indeterminado. Dessa forma, Nem assume a condição de titular.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO X FIGUEIRENSE

Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Data: 3 de julho de 2013 (quarta-feira)
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Guilherme Ceretta de Lima (SP)
Assistentes: Herman Vani (SP) e Fábio Baesteiro (SP)

BOTAFOGO: Jéfferson; Lucas, Dória, Bolívar e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel, Seedorf, Lodeiro e Vitinho; Rafael Marques
Técnico: Oswaldo de Oliveira

FIGUEIRENSE: Tiago Volpi; André Rocha, Thiego, Douglas Silva e Wellington Saci; Nem, Ronaldo Tres, Maylson e Diguinho; Rafael Costa e Ricardinho
Técnico: Adilson Batista

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.