Negociação vinha sendo dada como certa há quase duas semanas, mas o volante se recusou a confirmar a transação enquanto defendia a seleção brasileira

Paulinho chorou ao anunciar sua despedida do Corinthians
Luís Moura/Gazeta Press
Paulinho chorou ao anunciar sua despedida do Corinthians

A passagem do volante Paulinho pelo Corinthians chegou ao fim. Nesta segunda-feira, um dia depois da conquista da Copa das Confederações, o meio-campista confirmou sua transferência para o Tottenham, da Inglaterra. O valor total do negócio é 20 milhões de euros (cerca de R$ 59 mi), que serão divididos entre o time alvinegro e o Audax-SP, que o revelou.

LEIA: Sem Paulinho na armação, atacantes do Corinthians têm pressão maior

A negociação vinha sendo dada como certa há quase duas semanas, mas o volante se recusou a confirmar a transação enquanto defendia a seleção brasileira. Durante todo o tempo, Paulinho adotou o discurso de que só decidiria seu destino depois da Copa das Confederações.

Na entrevista que marcou sua despedida oficial do clube do Parque São Jorge, o jogador, eleito terceiro melhor da competição, chorou.

Leia mais : Paulinho não enfrenta São Paulo, mas promete ver decisão no Pacaembu

"Difícil de falar num momento como esse. Mas tenho certeza de que foram três anos maravilhosos na minha carreira. De conquistas, de trabalhar com pessoas corretas e coerentes que sempre me ajudaram. O que tenho para falar de Corinthians, torcida, direção e comissão técnica, é ate logo. Daqui a pouco eu volto! Por tudo o que fizeram por mim", disse Paulinho, que agradeceu todo o carinho da torcida corintiana.

"A torcida do Corinthians é a melhor do mundo. Então, o que falar? Eles são diferentes e sempre serão. Eles sabem a capacidade que tem fora de campo e o quanto são importantes para nós", afirmou o volante.


*com Gazeta Esportiva

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.