Martino alega problemas e pede para assumir o Santos só em 2014

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Técnico argentino tinha o acerto praticamente alinhavado com o time paulista, mas fez pedido semelhante a Marcelo Bielsa

Divulgação
Martino pediu para assumir o Santos somente em 2014

Depois de se aproximar de um acordo com o técnico Gerardo Martino, que não irá permanecer no Newell’s Old Boys (Argentina), após o fim da participação do time de Rosário na Copa Libertadores da América, o Santos viu as negociações com o treinador sofrerem uma reviravolta. Com o acerto praticamente alinhavado, Martino pediu aos dirigentes do Peixe para assumir o comando da equipe praiana apenas em 2014.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

O pedido é semelhante ao apresentado pelo seu compatriota, Marcelo Bielsa, que era a primeira opção da cúpula alvinegra para substituir Muricy Ramalho, demitido no último dia 31. Porém, "El Loco" gostaria de mais tempo para conhecer o futebol brasileiro, antes de começar a trabalhar no banco de reservas, enquanto Gerardo Martino alegou problemas particulares para apresentar essa solicitação aos dirigentes santistas.O clube da Vila Belmiro não esperava esse pedido do comandante argentino, realizado na noite desta quinta-feira. Agora, o Santos pretende discutir o assunto, para avaliar se irá esperar por Martino ou se partirá em busca de um outro técnico.

Enquanto isso, Claudinei Oliveira, que estava nos Juniores (sub-20) do Peixe, segue interinamente no posto. O treinador vem preparando os alvinegros para a volta do Campeonato Brasileiro, após a pausa para a disputa da Copa das Confederações.

Os santistas retornam aos gramados diante do São Paulo, no próximo dia 7, no Morumbi, em duelo válido pela sexta rodada do Brasileirão.

Leia tudo sobre: SantosGerardo Martinoigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas