Meia espanhol jogou nas categorias de base do Albacete e doou 240 mil euros para ajudar o clube que passa por grave crise financeira

Iniesta doou qause R$ 700 mil para salvar o Albacete
Albert Gea/Reuters
Iniesta doou qause R$ 700 mil para salvar o Albacete

Dois dias antes da final da Copa das Confederações , o meia Andrés Iniesta, da Espanha, resolveu fazer uma caridade: salvar o Albacete, time que agora disputará a Segunda Divisão, do rebaixamento nesta temporada europeia após pagamento de 240 mil euros (cerca de R$ 693 mil) ao clube.

O Albacete, recém-promovido à Liga Adelante, sofre de uma grave crise financeira e poderia ser rebaixado caso não pagasse salários atrasados ao elenco - no País, a Real Federação Espanhola de Futebol degola as agremiações esportivas se estas não estiverem reguladas financeiramente.

Iniesta, que jogou pela primeira vez na categoria de base do Albacete, também é acionista majoritário do clube, localizado no sudeste da Espanha. Os R$ 693 mil foram anunciados pelo presidente do Albacete, Agustín Lázaro, em coletiva de imprensa nesta sexta-feira.

Através do site oficial, a diretoria havia feito uma promoção para "salvar o Alba". Uma espécie de bazar foi feito no CT da equipe, que tem o nome de Andrés Iniesta, com vários produtos esportivos. Entre eles, a camisa oficial de Iniesta no Barcelona, autografada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.