Confirmação de que Luis Fabiano não será negociado na janela de transferências internacional foi motivo de alegria para os jogadores na reapresentação do São Paulo

Osvaldo celebrou a permanência de Luis Fabiano
Juan Karita/AP
Osvaldo celebrou a permanência de Luis Fabiano

A confirmação de que Luis Fabiano não será negociado na janela de transferências internacional foi motivo de alegria para os jogadores na reapresentação do São Paulo , nesta segunda-feira. Osvaldo, seu parceiro de ataque, foi um deles.

LEIA: Luis Fabiano põe ponto final em polêmica e fica no São Paulo

"Foi boa para a equipe do São Paulo, era um desejo da torcida também. Ele é um ídolo aqui dentro. Não só ele, como toda a diretoria e a torcida ficaram felizes com a notícia", disse o jogador, ao final do primeiro trabalho em Cotia, onde o time ficará concentrado até sábado.

Luis Fabiano divulgou nota no início desta tarde para pôr ponto final na polêmica entre ele e a diretoria, garantindo que, depois de reunião com o presidente Juvenal Juvêncio e o diretor de futebol Adalberto Baptista, não aceitará as propostas recebidas para deixar a equipe.

"Não quero mais ouvir as pessoas me perguntando se vou sair do São Paulo. Esse nunca foi o meu desejo. Fiquei chateado por algumas situações, mas já está tudo resolvido", esclareceu o artilheiro, que havia ficado chateado ao ouvir do mandatário que não era mais inegociável.

Com contrato até março de 2015, o camisa 9 disse estar "focado". Seu primeiro grande desafio será a Recopa Sul-americana, contra o Corinthians, cuja primeira final será em 3 de julho, no Morumbi. Antes, no sábado, o São Paulo enfrenta o Flamengo, em amistoso em Uberlândia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.