Luis Fabiano põe ponto final em polêmica e fica no São Paulo

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

O atacante do São Paulo avisou que não vai deixar o clube do Morumbi na janela de transferências internacional

Rubens Chiri/saopaulofc.net
Luis Fabiano vai continuar no São Paulo

O atacante Luis Fabiano divulgou nota no início da tarde desta segunda-feira, dia em que o elenco são-paulino se reapresentou aos trabalhos, para garantir que não vai deixar o clube na janela de transferências internacional, como ele próprio havia cogitado recentemente, em meio à polêmica com a diretoria.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Segundo o jogador, o assunto foi encerrado na semana passada, em reunião com o presidente do clube, Juvenal Juvêncio, e o diretor de futebol, Adalberto Baptista. Ele manifestou interesse de continuar na equipe, ao passo que os dirigentes lhe disseram que não tinham intenção de negociá-lo. "Não quero mais ouvir as pessoas me perguntando se vou sair do São Paulo. Esse nunca foi o meu desejo. Fiquei chateado por algumas situações, mas já está tudo resolvido. Tive uma conversa de pai para filho com o Juvenal e com o Adalberto e eles me passaram muita confiança", falou o camisa 9.

Veja fotos de Luis Fabiano no São Paulo. Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.netLuis Fabiano também deixou sua marca pelo São Paulo contra o Vitória. Foto: Rubens Chiri/DivulgaçãoLuis Fabiano divide a bola com Dida em ataque do São Paulo. Foto: Wagner Carmo/Inovafoto/Gazeta PressLuis Fabiano comemora gol do São Paulo no Morumbi. Foto: Edno Luan / Futura PressLuis Fabiano brinca durante treino do São Paulo. Foto: Léo Pinheiro/Futura PressLuis Fabiano errou dez de 20 pênaltis cobrados nesta quarta-feira no CT da Barra Funda. Foto: Gazeta PressLuis Fabiano não conseguiu evitar nova derrota do São Paulo no Brasileirão, desta vez para o Coritiba. Foto: Gazeta PressLuis Fabiano reclama com árbitro e é expulso após a partida contra o Arsenal. Foto: Marcelo Ferrelli/ Gazeta PressLuis Fabiano reclama com o time na primeira etapa. Foto: Gazeta PressLuis Fabiano recebe cartão vermelho na La Bombonera. Foto: ReutersLuis Fabiano leva a camisa à boca ao lamentar expulsão. Foto: AFPLuis Fabiano sai do campo após ser expulso. Foto: APLuis Fabiano sobe e tenta cabeceio no duelo contra a Católica. Foto: VipcommLuis domina bola no primeiro tempo na semifinal da Sul-americana. Foto: AFPJadson e Luis Fabiano marcaram na vitória do São Paulo. Foto: Site oficialLuis Fabiano comemora o primeiro gol do São Paulo no Paulistão. Foto: Futura PressLuis Fabiano comemora gol mandando torcida do São Caetano se calar. Foto: Gazeta PressLuis Fabiano erra conclusão em ataque do São Paulo. Foto: Gazeta PressLuis Fabiano disputa lance com o goleiro Vaca durante a partida entre São Paulo e The Strongest no Morumbi. Foto: Gazeta PressLuís Fabiano se estica para tocar para o gol e dar a vitória para o São Paulo. Foto: Gazeta PressLuis Fabiano comemora o gol da vitória do São Paulo. Foto: Gazeta PressFernando Prass, goleiro do Palmeiras, e Luis Fabiano, atacante do São Paulo. Foto: WAGNER CARMO / Gazeta PressLuis Fabiano, atacante do São Paulo, em ação contra o Oeste. Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.netLuís Fabiano comemora o gol do São Paulo diante do São Bernardo. Foto: Djalma Vassão/Gazeta PressLuis Fabiano toca na saída do goleiro do Bragantino. Atacante deixou sua marca na vitória do São Paulo. Foto: MIGUEL SCHINCARIOL / Gazeta PressLuis Fabiano comemora gol do São Paulo contra o Paulista. Foto: Djalma Vassão/Gazeta PressLuis Fabiano. Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.netLuis Fabiano no início do jogo contra o Atlético-MG. Foto: VipcommLuís Fabiano comemora primeiro gol da partida. Foto: São PauloAtacante lamenta após perder gol na vitória sobre o Atlético-MG. Foto: Agência O GloboLuis Fabiano ameaça o árbitro da partida. Foto: Gazeta PressLuis Fabiano reclama, xinga o árbitro e é expulso no fim do jogo. Foto: Agência O GloboApós toda a polêmica sobre a sua expulsão, Luis Fabiano sorri no treino do São Paulo nesta segunda. Foto: Vipcomm

No mesmo comunicado à imprensa, Luis Fabiano fez elogios a Juvenal (com quem havia ficado chateado ao ouvir que já não era mais inegociável), à parcela da torcida que pediu sua permanência em redes sociais e principalmente a Ney Franco. O treinador foi o principal defensor do atacante ao longo da polêmica.

Leia mais: Elenco são-paulino faz avaliação e treino físico na Barra Funda

"A todo momento, ele me deu confiança e pediu para que eu ficasse. Estou ciente de tudo o que vou enfrentar daqui para frente. Minha cabeça sempre esteve aqui, mas posso dizer que depois dessa conversa estou mais tranquilo e focado", concluiu o goleador, prometendo desfrutar ao máximo do tempo restante de contrato, válido até março de 2015.

* com Gazeta

Leia tudo sobre: luís fabianosão paulomercado da bolaigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas