No comando do Atlético-GO, René Simões revela vontade de atuar em outros setores

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

O último trabalho de René como técnico foi em 2011, no Grêmio Barueri. Após isso, passou a trabalhar como gestor no São Paulo e depois no Vasco

Gazeta Press
Renê Simões, técnico do Atlético-GO

Na manhã desta quinta-feira, a diretoria do Atlético-GO apresentou o novo treinador. René Simões está de volta ao clube depois de dois anos, com saudades dos gramados e disposição para auxiliar o trabalho de Adson Batista, diretor de futebol do clube.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

“É com muita satisfação que a gente está apresentando o René Simões, profissional que, para mim, é uma referência no futebol brasileiro, pessoa culta e que, além de grande treinador, é muito preparado e abrange todos os setores do clube. Sei que ele será uma referência para o Atlético na busca de seus objetivos, que é voltar à Série A”, comenta o dirigente.

O último trabalho de René como técnico foi em 2011, quando comandou o Grêmio Barueri. Após isso, o treinador passou a trabalhar como gestor no São Paulo e depois no Vasco da Gama.

“Eu estava com bastante saudade do campo, já estava começando a pensar nessa possibilidade. Tinham outros clubes me procurando, eu queria um tempo ainda, mas quando chegou o Atlético-GO eu sabia que não precisaria me reajustar, aqui eu já estaria adaptado”, explicou.

Por causa da experiência anterior, o novo técnico revelou que pretende ajudar Adson Batista nos outros setores do clube. “Até passo um conselho aos jovens: quando você entra em uma empresa não faça só o seu serviço, procure conhecer toda a empresa, pode ser que um dia você seja o presidente e terá que conhecer todos os setores. Hoje me sinto muito à vontade para fazer o meu trabalho e entender o trabalho do Adson, e tentar ajudar no trabalho dele”, revelou o treinador.

Leia tudo sobre: Atlético-GO

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas