Em seu pior momento, Independiente é rebaixado pela primeira vez na Argentina

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Maior vencedor da história da Libertadores perdeu por 1 a 0 para o San Lorenzo e deixa a elite do país

Eduardo Di Baia/AP
Independiente jogará a segunda divisão argentina na próxima temporada

Neste sábado, o Independiente teve, provavelmente, o pior dia de sua história. O tradicional clube argentino foi rebaixado da primeira divisão nacional pela primeira vez após perder por 1 a 0 para o San Lorenzo.

Comente esta notícia com outros torcedores

Terceiro time com mais títulos argentinos, com 14 títulos, e maior vencedor da Copa Libertadores com sete conquistas, o Independiente ficou na primeira divisão durante os 108 anos de sua existência. Com a sua queda, o Boca Juniors chega ao ano que vem como única equipe que nunca deixou a elite do país.

O descenso foi consumado em casa com uma rodada de antecedência. Atuando no estádio Libertadores de América, em Avellaneda, a equipe perdeu para o San Lorenzo, um de seus rivais entre os mais tradicionais clubes argentinos, por conta de um chute colocado da entrada da área do meia Ángel Corrêa, de apenas 18 anos.

O Independiente é o 12º colocado do Campeonato Argentino, mas caiu por conta do sistema de médias utilizados para determinar o rebaixamento: considerando-se os três últimos anos, ele tem a segunda pior média.

Único argentino que nunca foi rebaixado após a queda de River Plate em 2011 e a do Independiente neste sábado, o Boca Juniors é o lanterna da competição mas tem a quarta melhor média nos últimos anos. O Newell’s Old Boys pode se sagrar campeão já neste domingo.

Leia tudo sobre: IndependienteArgentinarebaixadofutebol mundial

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas