Com o empate diante do São Paulo nesta quarta, time gaúcho tem oito pontos em cinco rodadas no Campeonato Brasileiro

Vanderlei Luxemburgo, técnico do Grêmio
Flickr/Grêmio
Vanderlei Luxemburgo, técnico do Grêmio

Apesar da insatisfação dos torcedores do Grêmio com a atuação do time nesta quarta-feira, no empate dentro de casa com o São Paulo , o técnico Vanderlei Luxemburgo não será demitido. A garantia é do presidente Fábio Koff, que reforçou confiança no trabalho do treinador e minimizou o fato de o time ter perdido dois pontos em casa.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"O Vanderlei Luxemburgo permanece e tem a nossa confiança. Temos convicção no trabalho dele e que ele levará o Grêmio a um grande título. É um técnico vencedor, e não será um ou dois resultados ruins que me farão mudar de opinião. Respeito a opinião dos que não querem a sua permanência, mas é uma convicção que temos", explicou Koff.

O presidente gremista ainda fez uma avaliação da campanha da equipe até agora no Brasileiro: "em cinco jogos, o Grêmio fez 8 pontos. Estamos a três pontos do atual líder. Nosso aproveitamento beira os 55%. Se melhorarmos um pouco esta campanha já podemos brigar por vaga na Libertadores e até pelo título. O desempenho até aqui é razoável", analisou.

Com o empate diante do São Paulo, o Grêmio chega a 8 pontos em 15 disputados, na 7ª colocação do Brasileiro. O time voltará a campo pela competição no dia 7 de julho, contra o Atlético-PR, fora de casa, em local a ser definido.

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.