Após primeira vitória, Santos não vê necessidade de mudanças drásticas

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Técnico interino, Claudinei Oliveira aposta no sucesso dos jogadores da base entre os profissionais e tem sua efetivação defendida pelo experiente Léo

Marcello Zambrana/Gazeta Press
Cícero é abraçado por Arouca após marcar gol da vitória do Santos sobre Atlético-MG na Vila Belmiro

Depois de quatro partidas, o Santos finalmente venceu no Brasileirão. Nesta quarta-feira, bateu o Atlético-MG na Vila Belmiro pelo placar de 1 a 0, graças ao gol de Cícero logo nos minutos iniciais. A primeira vitória na competição parece ter dado uma injeção de confiança ao elenco e à comissão técnica, que não veem necessidade de mudanças drásticas no clube para a sequência da temporada, após a venda de Neymar e a demissão do técnico Muricy Ramalho.

Você acha que o Santos deve se reforçar para a sequência do Brasileirão? Comente

Técnico do time do Santos campeão da Copa São Paulo de Juniores neste ano, Claudinei Oliveira exerce o cargo de comandante do time principal de forma interina desde a saída de Muricy. Por ter trabalhado com os jovens jogadores e conhecê-los bem, o treinador os defende e acredita que as promessas têm condição de se firmar entre os profissionais e conquistar a torcida.

A confiança é tanta que Claudinei não vê necessidade da diretoria ir atrás de muitos reforços durante a pausa no Brasileirão. "O nosso grupo é bom, não é ruim. O Santos não precisa de tanta gente assim. A equipe precisa apenas de contratações pontuais", ponderou.

Ricardo Saibun/Divulgação Santos FC
Claudinei Oliveira, técnico interino do Santos

Com relação ao talento dos jovens atletas, Claudinei não demonstra ter a menor dúvida. "Nosso time sub 20 era fantástico. Se essa equipe disputar 20 jogos, vai empatar um, perder um e ganhar o resto. Mas é sub 20. Não dá para apostar em todos de uma vez, como foi em 2002, que era uma geração fantástica e que teve muito tempo para ficar treinando. Foram quase três meses com o (Emerson) Leão trabalhando aquele pessoal. Acho que o Santos pode, paulatinamente, lançar esses atletas. Capacidade eles têm, mas depende apenas do momento certo de colocá-los na equipe."

Se Claudinei demonstra confiança na capacidade das promessas, o mesmo acontece com o próprio treinador em relação ao restante do elenco. Um dos jogadores mais experientes do Santos, o lateral-esquerdo Léo aprova o rendimento do comandante e defende que o interino seja efetivado no cargo.

"Tem que dar tempo para o Claudinei, ele conhece os meninos", disse Léo. "Com o pouco tempo de trabalho que tivemos com ele, o Claudinei está mostrando que é um grande treinador. A meninada está jogando muito bem, marcando, indo para o jogo. Acho que todos estão jogando bem, de maneira geral", disse Léo.

Veja imagens dos jogos desta quarta-feira pelo Brasileirão

Ronaldinho escapa de carrinho de Gustavo. Foto: Marcello Zambrana/Gazeta PressCícero é abraçado por Arouca após marcar gol do Santos. Foto: Marcello Zambrana/Gazeta PressZé Roberto conduz Grêmio ao ataque. Foto: LUCAS UEBEL/Preview.com/Gazeta PressDefesa do Grêmio tenta tirar bola de dentro da área em ataque são-paulino. Foto: Edu Andrade/Fatopress/Gazeta PressLuis Fabiano arrisca finalização ao gol do Grêmio. Foto: Edu Andrade/Fatopress/Gazeta PressGlédson sai do gol para disputar o lance com Rafael Sóbis dentro da área. Foto: MIGUEL SCHINCARIOL / Gazeta PressDiogo comemora gol da vitória da Portuguesa. Foto: FERNANDO DANTAS / Gazeta Press


Leia tudo sobre: SantosBrasileirão 2013

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas