Sem especialistas, Ganso e Douglas herdam a bola parada no São Paulo

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Para o jogo desta quarta, o time não contará com com seus dois especialistas - o lateral esquerdo Carleto, que rompeu o ligamento do joelho, e o meia Jadson, na seleção brasileira

Miguel Schincariol/Gazeta Press
Paulo Henrique Ganso, meia do SP

O elenco são-paulino encerrou na manhã desta terça-feira, com um treino tático seguido de rachão, a preparação para enfrentar o Grêmio. Confirmada a escalação do dia anterior, a comissão técnica deu atenção especial a jogadas de bola parada, principalmente ofensivas.

Ney Franco não aparece em treino e gera mal estar em grupo do São Paulo

Por não contar com seus dois especialistas - o lateral esquerdo Thiago Carleto, que rompeu ligamento do joelho direito, e o meia Jadson, a serviço da seleção brasileira -, o time terá em Porto Alegre dois novos responsáveis neste fundamento: Paulo Henrique Ganso e Douglas.

Ficarão a cargo do meia faltas e escanteios pelo lado esquerdo do ataque. Já as bolas paradas do lado oposto serão batidas pelo lateral direito.

Ao longo do trabalho, orientado em conjunto pelo técnico Ney Franco e o auxiliar Éder Bastos, os dois jogadores foram alertados repetidamente para não fazerem cruzamentos fechados. "Na pequena área, o Dida tira todas", justificava o assistente, referindo-se ao goleiro gremista.

O principal alvo das jogadas será Rodrigo Caio. O volante são-paulino é talvez o atleta com melhor impulsão e cabeceio do elenco atual. Além dele, os zagueiros Lúcio e Paulo Miranda e os atacantes Aloísio e Luis Fabiano marcarão presença dentro da área adversária.

Sétimo colocado, com sete pontos ganhos, o São Paulo pode chegar à segunda posição desde que vença e o Fluminense, no máximo, empate com a Portuguesa. A partida contra a equipe gaúcha será às 22 horas (de Brasília) desta quarta-feira, na Arena Grêmio.

O time que vai a campo é Rogério Ceni; Douglas, Lúcio, Paulo Miranda e Juan; Rodrigo Caio, Denilson e Ganso; Aloísio, Osvaldo e Luis Fabiano.

Leia tudo sobre: são paulogansodouglasigspbrasileirão 2013

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas