Paulo Autuori pede e Vasco deve renovar contrato com Carlos Alberto

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Meia está no clube desde 2009, vem agradando o novo técnico, mas ainda não acertou renovação com o Vasco

Divulgação
Carlos Alberto, meia do Vasco

Já absolvido de acusação de doping, o meia Carlos Alberto deve ser procurado pelo Vasco para renovar seu contrato, que chega ao fim em agosto. O jogador voltou a integrar a equipe titular na vitória por 2 a 0 sobre o Atlético-MG e, no sábado, anotou o gol vascaíno no empate por 1 a 1 com o Bahia. Nas duas ocasiões atuou bem, ganhando um forte aliado na luta para permanecer na Colina: o técnico Paulo Autuori.

A demora da diretoria para tentar o acerto e o silêncio de Paulo Autuori vinham incomodando o meia. No entanto, o treinador resolveu se posicionar publicamente e informou que vai pedir ao clube que tente manter o jogador.

"Não preciso me posicionar sobre o Carlos Alberto pois é um jogador que todos já conhecem. Ele não precisa ser testado. Minha intenção é conversar com o clube sobre isso e ficar no aguardo de uma resposta. Não estou anunciando que ele vai renovar contrato, pois, mesmo tendo uma palavra importante neste sentido, a decisão também é do clube", declarou o comandante alvinegro.

O treinador sabe que a questão financeira é determinante nesta situação. "Somos parceiros da diretoria. Algumas vezes tenho que abrir mão de algumas coisas por conta de questões financeiras. Em outras ocasiões a diretoria precisa ceder para o bem do aspecto técnico. Enfim, é uma parceria", afirmou.No que depender do atleta, a renovação de contrato será assinada sem maiores problemas. Carlos Alberto está no clube desde 2009, quando foi um dos melhores do time na campanha que levou ao título da Série B do Campeonato Brasileiro.

"Não preciso falar para ninguém que o meu desejo é permanecer no Vasco. É um clube que eu conheço, já estou familiarizado e me dou bem com todo mundo, mas sei que isso não depende apenas de mim. O que tenho que fazer e vou continuar fazendo é trabalhar ao máximo durante os treinos e jogos para ser merecedor do reconhecimento de todos", afirmou o jogador.

O elenco ganhou três dias de folga e a reapresentação acontece apenas na manhã da próxima quarta-feira, quando acontecerá um treino pela manhã no Centro de Treinamento da Marinha (Cefan).

O clube desistiu de disputar um torneio amistoso no Pará e vai procurar outros amistosos para colocar os jogadores em atividade e gerar receita. Um tour pelo Nordeste não foi completamente descartado, já que existem sondagens para a realização de jogos amistosos no Maranhão, no Piauí, no Rio Grande do Norte e na Paraíba.

Leia tudo sobre: vascopaulo autuoricarlos alberto

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas