Cruzeiro não terá Borges e Dagoberto em intertemporada no EUA

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

O motivo é o veto do departamento médico, que não permitiu os atacantes Borges e Dagoberto de seguirem com a delação para a América do Norte

Washington Alves/VIPCOMM
Dagoberto e Borges vão ficar no Brasil

O Cruzeiro não terá força máxima na intertemporada que a equipe vai realizar nos EUA, entre os dias 19 e 30 de junho. O motivo é o veto do departamento médico, que não permitiu os atacantes Borges e Dagoberto de seguirem com a delação para a América do Norte. O médico Sérgio Freire Júnior explica a contusão de Dagoberto.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Optamos por fazer exame de imagem e foi constatada uma lesão no adutor da coxa esquerda, que demanda um tempo maior de tratamento. Ele perde toda a preparação que será feita durante a parada do Campeonato Brasileiro, pois não tem condição de realizar atividades durante a intertemporada. Ele está fora da viagem para realizar o tratamento", declarou.

Borges se recupera de uma lesão na coxa esquerda, sofrida na partida contra o Atlético-PR, pelo Campeonato Brasileiro e já faz tratamento na Toca da Raposa há cerca de duas semanas. Já o goleiro Fábio, o lateral-direito Mayke e o meia-atacante Elber reclamaram de dores após o jogo contra o Inter, no último sábado, mas o médico cruzeirense tranquilizou a torcida sobre a situação dos atletas.

Leia mais: Cruzeiro volta aos trabalhos pensando em intertemporada

"O Fábio foi só mesmo o trauma direto no joelho, sem lesão importante, significante. Dessa forma, ele está liberado para viagem. O Mayke e o Elber foram problemas na coxa esquerda, mas somente edemas musculares, sem lesão", explicou.

Leia tudo sobre: cruzeirodagobertoborges

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas