Mesmo com desgaste, Cuca lamenta "perda de dois pontos"

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Com um a mais no Independência, Atlético-MG só empatou com o São Paulo pelo Brasileirão

Se o São Paulo comemorou o empate deste domingo em Belo Horizonte, no Atlético-MG o discurso foi outro. Apesar de citar diversas vezes que seu time sofreu com o cansaço trazido da partida de quinta-feira, pela Libertadores, Cuca admitiu que esperava mais do que 0 a 0, principalmente porque o rival atuou boa parte do segundo tempo com dez jogadores, após a expulsão de Denilson.

Com um a menos, São Paulo segura o Atlético-MG em BH e assume a liderança

"Perdemos dois pontos", disse o treinador. "Poderíamos ter ganhado o jogo pelo segundo tempo que fizemos. Mesmo quando tinha 11 de cada lado, poderíamos ter tido sorte melhor. Mas acontece, não temos que ficar lamentando. Perdemos chances claras, empatamos, vida que segue. É apenas a segunda rodada".

Site oficial
Marcos Rocha e Osvaldo brigam pela bola

O comandante atleticano só não lamentou mais porque notou a condição física aquém de seus atletas, devido ao jogo intenso de quinta-feira, quando o Atlético definiu a classificação para as quartas de final da Libertadores na heroica defesa de pênalti de Victor, já nos acréscimos do confronto com o mexicano Tijuana.

"Depois da loucura que foi, você não dorme a uma, nem duas da manhã. Já era sexta-feira. É lógico que os jogadores sentiram cansaço, o que é normal. Foi nosso trigésimo jogo em quatro meses. Isso puxa muito", lembrou, antes de explicar o porquê de não ter poupado ninguém.

"Não tem como poupar. Ia dar qual justificativa? Só se estivessem muito cansados ou com muita dor. Ocorreu com o Marcos (Rocha, lateral direito), que saiu. O Réver e o Bernard estão na Seleção, os demais jogaram. Logicamente, não foi com a mesma intensidade, mas o São Paulo também jogou bem, marcou muito. Se a gente vacilasse, acabaria perdendo".

Com um ponto em duas rodadas, o time treinado por Cuca volta a jogar na quarta-feira, diante do Vasco, fora de casa. Antes da Copa das Confederações, ainda enfrenta Grêmio e Santos.

Leia tudo sobre: cucaatlético-mgbrasileirão 2013

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas