Jogadores do Atlético-MG atribuem queda de rendimento a excesso de partidas

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

Contando os compromissos pelo Brasileirão e o duelo contra o Tijuana pela Libertadores, time atravessa série de cinco jogos sem vitória

Yuri Edmundo/Gazeta Press
Atlético-MG não vence há cinco partidas

O Atlético-MG iniciou a temporada apresentando um futebol que encantou o Brasil e que rendeu a melhor campanha da Libertadores, mas vem perdendo rendimentos nos últimos jogos. Na avaliação dos jogadores, a sequência de cinco partidas sem vitória é fruto do desgaste com o excesso de jogos.

"Eu estou cansado e sofrendo um desgaste muito grande desde que cheguei. Joguei todos os jogos. Agora, vamos ver o que o Cuca vai fazer para quarta-feira", disse o atacante Diego Tardelli, que manifestou a vontade de ser poupado no jogo de quarta-feira, contra o Vasco, em Volta Redonda.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Antes da parada do Brasileiro para a Copa das Confederações, o Atlético-MG ainda terá alguns jogos pela frente no Brasileiro. Ronaldinho Gaúcho torce para que essas partidas passem o mais rápido possível, para que assim, o elenco alvinegro possa ter o descanso adequado para voltar a atuar bem.

"Faltam três jogos. Vamos torcer para que essas partidas passem o mais rápido possível, para que tenhamos um tempo bom de descanso. Assim, voltaremos em um ritmo forte", disse Ronaldinho, se referindo aos jogos contra Vasco, Grêmio e Santos.

O lateral-direito Marcos Rocha já vem atuando no sacrifício pelo cansaço e por um problema gastrointestinal, e também pede descanso na maratona de jogos, mas pediu para enfrentar o São Paulo. "Eu preferi pensar no grupo, no time. Não estava rendendo o que eu posso e não quis prejudicar. Teremos uma pausa de 20 dias e isso será bom para recuperarmos a parte física, poder treinar", declarou.

*Com Gazeta

Leia tudo sobre: Atlético-MGBrasileirão 2013

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas