'Se não tivesse feito pênalti, teríamos virado', diz Renato Silva após derrota

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Zagueiro vascaíno assumiu a culpa por tropeço diante do Vitória no Brasileirão e atitude foi elogiada pelo técnico Paulo Autuori

Site oficial
Jogadores do Vitória comemoram gol sobre o Vasco

Apático no primeiro tempo, o Vasco levou o segundo gol do Vitória justamente em seu melhor momento na partida de sábado do Campeonato Brasileiro: no início do segundo tempo. Após cometer o pênalti que resultou no último gol da derrota por 2 a 0 no Barradão, o zagueiro Renato Silva assumiu a responsabilidade pelo revés.

Deixe seu recado e comente com outros leitores

"O balanço do jogo é que, se eu não tivesse feito o pênalti, teríamos virado. A equipe deu uma murchada depois do segundo gol, então, se alguém tiver responsabilidade pelo resultado, esse alguém sou eu", declarou o defensor.

Leia mais: Vitória derrota o Vasco e assume a liderança provisória do Brasileirão

A atitude do atleta foi elogiada pelo técnico Paulo Autuori. "É muito legal essa postura, dou os parabéns a ele pela sinceridade. Não é normal isso acontecer e gostaria que outros pudessem fazer o mesmo, não sou eu que tenho fazer isso", afirmou o treinador.

Já Sandro Silva focou nos próximos jogos e pediu equilíbrio ao Cruz-maltino. "O campeonato está apenas começando, sabíamos que teríamos dois jogos muito difíceis. Agora temos que manter o equilíbrio mental e emocional para conseguir o resultado positivo dentro de casa", afirmou o meio-campista.

O Gigante da Colina soma três pontos na 12ª posição do Campeonato Brasileiro. Na quarta-feira, às 21 horas (de Brasília), a equipe carioca enfrenta o Atlético-MG no estádio Raulino de Oliveira pela quarta rodada da competição.

Leia tudo sobre: vascorenato silvabrasileirão 2013

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas