Com a saída do atacante Neymar para o Barcelona, o técnico Muricy Ramalho reconhece que a equipe praiana precisa reforçar o seu elenco

Após disputar seus dois primeiros jogos no Campeonato Brasileiro, o Santos tem apenas um ponto ganho na competição. Com a saída do atacante Neymar para o Barcelona, o técnico Muricy Ramalho reconhece que a equipe praiana precisa reforçar o seu elenco, se quiser atingir os seus objetivos no nacional.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"É muito pouco o que tem à disposição no grupo atual. Precisamos de mais plantel. O Brasileiro é uma competição doida, em que você tem viagem, jogadores machucados e também perde atletas por cartões (suspensões). Se bem que o nosso time é disciplinado e não tem tantos jogadores suspensos. Mesmo assim, nós precisamos de mais", disse Muricy, após a derrota para o Botafogo, na última quarta-feira, no Estádio Raulino de Oliveira.

Apesar da cobrança em relação à chegada de novos jogadores, o treinador santista sabe que até a interrupção da Série A, por conta da disputa da Copa das Confederações, o time alvinegro não deve receber grandes reforços.

Leia mais: Pelé é a favor da volta de Robinho, mas confia nos talentos da base

Muricy Ramalho acredita que, depois dessa pausa no campeonato nacional, o Peixe vai estar mais fortalecido para a sequência da temporada. "Para nós, essa parada vai ser importante, porque vai dar tempo para arrumar a equipe. É uma coisa natural do Brasileirão, pois sempre saem jogadores, quando o Estadual acaba. Quando chegar a Copa das Confederações, com mais tempo para se planejar, a diretoria vai conseguir trazer novos jogadores. A nossa direção está trabalhando e temos que esperar as coisas se resolverem", concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.