Goleiro do Santos lamenta derrota, mas se empolga com Neílton e Gabriel

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Santos perdeu para o Botafogo em Volta Redonda, mas Rafael aprova entrada de garotos

Fernando Soutello/Agif/Gazeta Press
Rafael Marques e Cícero em lance de Botagofo x Santos

Os jogadores do Santos deixaram o gramado do Estádio Raulino de Oliveira chateados com a derrota para o Botafogo, por 2 a 1, na noite desta quarta-feira. O goleiro Rafael se mostrou incomodado com o resultado, mas também procurou ressaltar que a partida, a primeira depois da saída de Neymar para o Barcelona, deixou aspectos positivos para a equipe praiana.

"O Neymar é muito acima da média e, por ser diferenciado, fazia lances imprevisíveis. Claro que vamos sentir a sua falta, mas hoje (quarta) temos que ressaltar que o Neílton e o Gabriel mudaram o jogo (a dupla entrou no segundo tempo). Foi uma pena não termos conseguido o empate", lamentou o camisa 1 do Peixe.

Na avaliação de Rafael, principalmente na etapa complementar, os santistas sufocaram o time carioca e poderiam ter conseguido arrancar um empate fora de casa - essa foi a primeira derrota dos paulistas na competição.

"Tivemos um bom volume de jogo, encurralamos o Botafogo no segundo tempo, só que, infelizmente, não conseguimos empatar. Ficamos tristes pelo resultado, mas felizes pela reação que a equipe mostrou em campo", concluiu o arqueiro.

Com apenas um ponto somado em duas rodadas do Brasileirão, o Santos voltará a campo diante do Grêmio, no próximo sábado, às 16h20 (horário de Brasília), na Vila Belmiro.

Leia tudo sobre: RafaelSantosbrasileirão 2013

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas