O Corinthians foi punido pelo lançamento de sinalizadores feito por sua torcida na segunda partida final do Campeonato Paulista, contra o Santos

A FPF (Federação Paulista de Futebol) decidiu punir o Corinthians pelo lançamento de sinalizadores feito por sua torcida na segunda partida final do Campeonato Paulista, contra o Santos, na Vila Belmiro. O clube foi punido com a perda de um mando de campo no próximo estadual e condenado a pagar multa no valor de R$ 30 mil.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O incidente ocorreu aos 42 minutos do segundo tempo da partida, que terminou empatada em 1 a 1 e acabou garantindo o título ao Timão. O árbitro Guilherme Ceretta de Lima, atendendo as orientações da entidade máxima do futebol paulista, paralisou a partida até que o fogo dos sinalizadores se apagasse.

Leia mais: Tite tem calma e espera para dar sequência de jogos a Pato

Em março deste ano, após a morte do torcedor Kevin Espada, que foi atingido por um sinalizador lançado pela torcida corintiana na partida contra o San Jose, pela estreia da Copa Libertadores, na Bolívia, a federação determinou a proibição de fogos e sinalizadores no interior os estádios paulistas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.