O ingresso mais barato para a estreia do Palmeiras na Série B do Campeonato Brasileiro custa R$ 60

Paulo Nobre é presidente do Palmeiras
Gazeta Press
Paulo Nobre é presidente do Palmeiras

A série de divergências entre o presidente Paulo Nobre e a principal torcida organizada do Palmeiras teve mais um episódio nesta sexta-feira. Na véspera da estreia da equipe na Série B do Campeonato Brasileiro, a Mancha Alviverde emitiu um comunicado em que fez críticas à decisão da diretoria de colocar o ingresso mais barato a R$ 60 para a partida em Itu, contra o Atlético-GO.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Vergonha, roubo, agiotagem e falta de caráter e respeito com a torcida do Palmeiras!", iniciou a nota divulgada no site da torcida. "Senhor Paulo Nobre, em que mundo o senhor vive e qual clube acha que preside? Com outra vergonha de sermos novamente rebaixados dez anos depois, o senhor insistentemente insulta nossa torcida a cada dia que passa".

Nobre rompeu relações com a uniformizada desde que houve a violência contra o elenco no aeroporto em Buenos Aires, no início de março, depois da derrota para o Tigre, na fase de grupos da Libertadores. Desde então, a organizada e a diretoria não se entenderam mais.

Leia mais: Técnico do Palmeiras assume culpa por má fase de Wesley

"Ao invés de agregar nossa torcida junto deste time horrível, você a cada dia que passa se mostra mais arrogante, desagregador e egoísta", escreveu a uniformizada em outro trecho do comunicado.

A assessoria do clube informou que Paulo Nobre não vai se pronunciar sobre a carta. A justificativa da diretoria para o preço do ingresso é de que o sócio-torcedor precisa ser privilegiado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.