Na teoria, Bayern leva vantagem sobre o Dortmund na decisão. Confira a análise

Por Mário André Monteiro - iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

iG Esporte avaliou os dois times titulares dos alemães, posição por posição, e chegou ao placar de 9 a 7 a favor da equipe de Munique. Veja abaixo e comente no final da matéria

AP
Piszczek joga pela direita do Dortmund, enquanto Ribéry atua na esquerda do Bayern

Pela primeira vez na história, dois times alemães fazem a grande final da Champions League. Bayern de Munique e Borussia Dortmund chegam à decisão na Inglaterra utilizando um esquema de jogo parecido, 4-2-3-1, com um volante marcador e outro mais técnico, três meio-campistas bastante ofensivos e um homem de referência na área. Mas, na teoria, qual das equipes germânicas tem mais condições de levantar a taça?

E mais: Decisão da Champions envolve quatro brasileiros e filho de ex-atacante do Flu

Já é certo que Mario Götze não jogará o duelo de sábado, em Londres, enfraquecendo o time do Borussia Dortmund - o atleta não se recuperou de uma lesão muscular e está fora da partida. A vaga no meio de campo ofensivo da equipe deve ficar com Kevin Grosskreutz. No Bayern de Munique, o time que vem dando espetáculo deve ser mantido.

Leia mais notícias e opiniões de futebol germânico no Blog do Alemão

Pensando nas prováveis equipes que começarão jogando em Wembley, o iG Esporte resolveu analisar posição por posição, incluindo os treinadores, e chegou ao placar de 9 a 7 a favor do Bayern de Munique. Pelo menos no papel, de acordo com a análise, os bávaros têm vantagem. É claro que dentro de campo nem sempre é assim que as coisas funcionam.

Confira abaixo e depois comente. Você concorda?

Neuer (Bayern) x Weidenfeller (Dortmund)
O arqueiro bávaro é titular da seleção da Alemanha e vem sendo considerado pela imprensa mundial um dos melhores do mundo na posição. Já o goleiro aurinegro, bem mais experiente, apesar das ótimas atuações na Champions League e do grande respeito que tem dentro do clube, ainda está um passo atrás do seu rival.
Bayern de Munique 1 x 0 Borussia Dortmund

AP
Philipp Lahm, lateral do Bayern de Munique

Lahm (Bayern) x Piszczek (Dortmund)
Capitão do Bayern de Munique e da seleção alemã, Lahm está à frente do seu adversário nesta posição. O lateral direito é o rei das assistências da equipe na temporada e, para muitos, nenhum jogador do mundo é melhor que ele. O polonês do Dortmund é bastante importante para o para o time, mas não supera Lahm.
Bayern de Munique 2 x 0 Borussia Dortmund

Boateng (Bayern) x Subotic (Dortmund)
O alemão ganhou a titularidade recentemente na defesa do Bayern de Munqiue, mas mesmo assim não é unanimidade dentro do clube. Convocado constantemente para seleção do seu país, Boateng costuma errar e ser inconstante nas partidas. O sérvio Subotic é um pouco mais veloz que o rival e um dos pilares da zaga amarela. Ponto para o BVB.
Bayern de Munique 2 x 1 Borussia Dortmund

Dante (Bayern) x Hummels (Dortmund)
Um verdadeiro duelo de gigantes nos dois defensores que jogam pelo lado esquerdo da zaga de Bayern e Dortmund. Dante arrumou a defesa bávara e foi até convocado para seleção brasileira que vai para a Copa das Confederações. Hummels, por sua vez, é o melhor zagueiro alemão da atualidade e titular absoluto da seleção. Empate aqui.
Bayern de Munique 3 x 2 Borussia Dortmund

Getty Images
Marcel Schmelzer, lateral do Borussia Dortmund

Alaba (Bayern) x Schmelzer (Dortmund)
O lateral esquerdo do Borussia é bastante regular, seguro na defesa, marca com eficiência e apóia bem o ataque. Também é titular da seleção alemã. Nesta posição, Schmelzer é um pouco superior ao austríaco Alaba, que mesmo fazendo boas apresentações na temporada, ainda é jovem - tem apenas 20 anos de idade - e precisa amadurecer.
Bayern de Munique 3 x 3 Borussia Dortmund

Martínez (Bayern) x Bender (Dortmund)
Contratado a peso de ouro (40 milhões de euros, a maior negociação da história da Alemanha), o espanhol Martínez tomou conta do meio de campo do Bayern. É rápido, alto, marca bem demais e ainda costuma fazer seus gols no ataque. O volante Bender não fica muito atrás do adversário, é importante na ajuda a defesa do Borussia, mas tem um menos recursos que o bávaro.
Bayern de Munique 4 x 3 Borussia Dortmund

Schweinsteiger (Bayern) x Gündogan (Dortmund)
Disputa equilibrada nesta posição do meio de campo, mas Schweinsteiger está um nível acima do Gündogan, que também tem muita qualidade com a bola nos pés e na marcação. O jogador do Bayern está acima não só de Gündogan, mas também de todos os outros segundos volantes do futebol mundial. A técnica e raça de Schweinsteiger são fundamentais para a equipe e por ele passam todas as jogadas de ataque.
Bayern de Munique 5 x 3 Borussia Dortmund

Getty Images
Ribery, meia do Bayern de Munique

Ribéry (Bayern) x Grosskreutz (Dortmund)
Já faz tempo que o francês é o termômetro do time de Munique. Se ele está bem, a equipe também está. E Ribéry faz uma temporada fantástica, com muitos gols, dribles, assistências e velocidade. O atleta que vai atuar pelo lado esquerdo de ataque do Dortmund será Grosskreutz, que ajuda bem na marcação, mas é, de longe, bem inferior a Ribéry.
Bayern de Munique 6 x 3 Borussia Dortmund

Robben (Bayern) x Kuba (Dortmund)
Robben era reserva e assumiu de vez a titularidade no Bayern com a lesão de Toni Kroos, sendo importante na ofensividade da equipe pelo lado direito. Mesmo assim, muitos torcedores ainda têm um pé atrás em relação ao atleta. O Borussia Dortmund tem Kuba por esta faixa do campo, menos badalado que o holandês, mas tão importante quanto. Não só no ataque, mas como na recomposição da equipe no sistema defensivo. Os dois empatam.
Bayern de Munique 7 x 4 Borussia Dortmund

Müller (Bayern) x Reus (Dortmund)
Se existe um jogador que tem estrela em jogos decisivos, esse cara é Thomas Müller. Desde que apareceu ao mundo em 2010, o jovem atleta do Bayern de Munique vem sendo importante na manutenção do poderio ofensivo da equipe. Pelo lado do Dortmund, com a ausência de Götze, Marco Reus, que joga habitualmente pela esquerda, será deslocado para atuar mais centralizado na final, assim como Müller. É uma das maiores revelações do futebol alemão na atualidade e indispensável para equipe. Mais um empate.
Bayern de Munique 8 x 5 Borussia Dortmund

Martin Rose/Getty Images
Lewandowski, atacante do Borussia Dortmund

Mandzukic (Bayern) x Lewandowski (Dortmund)
Com o sucesso na temporada, Lewandowski se transformou em um dos atacantes mais cobiçados do mundo atualmente. Grandes da Europa querem contratar o polonês, que, além de ser matador dentro da área, sabe jogar fora dela. É bastante técnico e tem visão de jogo. O croata Mandzukic também marca muitos gols, não fica preso na área e cai bastante pelas pontas. Porém, Lewa é melhor centroavante que o adversário.
Bayern de Munique 8 x 6 Borussia Dortmund

Jupp Heynckes (Bayern) x Jurgen Klopp (Dortmund)
São estilos bem diferentes de técnicos. O comandante do Bayern de Munique é mais experiente, sabe como montar sua equipe e aproveitar a qualidade dos seus atletas. Conhece muito a parte tática do futebol. O treinador do Borussia Dortmund, por sua vez, é bem mais jovem, consegue fazer o time jogar com qualidade e, acima de tudo, é um grande motivador e amigo dos jogadores. Cada um tem o seu jeito de trabalhar e empatam.
Bayern de Munique 9 x 7 Borussia Dortmund

Concorda com a análise? Clique aqui e deixe seu comentário

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas