Goleiro sofreu fratura no punho direito e, submetido a cirurgia, fica afastado por seis semanas

Michel substituirá Deola como capitão do Vitória no início do Brasileirão
Gazeta Press
Michel substituirá Deola como capitão do Vitória no início do Brasileirão

Na última segunda-feira, o departamento médico do Vitória constatou uma fratura no pulso direito do goleiro Deola. Em função disso, o representante rubro-negro foi submetido a cirurgia e ficará afastado por seis semanas. Neste período, quem fica com a braçadeira de capitão é o volante Michel.

O goleiro foi o capitão do time desde o início do ano, mas se machucou na véspera da decisão do último domingo. Michel assumiu a liderança do grupo e levantou o troféu do Campeonato Baiano.O volante já foi capitão quando jogava no Ceará, mas nunca tinha levantado uma taça. Agora, será o dono da braçadeira nesta quarta-feira diante do Salgueiro, pela Copa do Brasil, e na estreia do Campeonato Brasileiro, contra o Internacional, no sábado.

"Ser o porta-voz não é fácil. É preciso pulso na hora de reclamar ou dar instruções. Porém, no nosso elenco não temos apenas uma voz. O Deola puxava o grupo, mas todos participavam igualmente. Todos poderiam vestir aquilo no braço", garante o volante.

Nesta terça-feira, o grupo do Vitória volta aos trabalhos após as comemorações do título do Estadual sem Deola. O médico do Vitória, Dr. Ivan Carilo, está acompanhando o goleiro do Leão da Barra. "Mandamos a situação para o Palmeiras, clube detentor do atleta. Só precisamos saber se ele fará a cirurgia aqui ou lá com o clube paulista. O que posso dizer é que uma cirurgia reduziria o tempo de recuperação para quatro semanas", afirma o médico do Rubro-Negro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.