Ancelotti diz que pediu para deixar PSG, mas não revela destino

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Técnico admitiu que não deseja seguir na equipe francesa na última temporada e ainda não sabe o seu destino

Reuters
Carlo Ancelotti admitiu que pediu para deixar o PSG

As recorrentes especulações sobre a saída de Carlo Ancelotti do Paris Saint-Germain tinham um fundo de verdade. Durante a cerimônia de premiação do Campeonato Francês, vencido pelo próprio PSG, o treinador admitiu que deve deixar a equipe nas próximas semanas.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"Eu tive uma reunião com o presidente Leonardo e pedi para deixar o clube. Agora, devo esperar as respostas dele para decidir meu destino", disse durante o evento, realizado nesse domingo.

O Real Madrid é apontado desde o começo do ano como o destino profissional mais provável de Ancelotti. Os rumores aumentaram nas últimas semanas com o fato de José Mourinho estar próximo de deixar o clube merengue. O técnico do PSG, no entanto, não confirmou qual equipe irá treinar.

"Tenho oportunidades de vários times, e o Real Madrid é um deles", se limitou a dizer. O treinador também não revelou os motivos que o fazem querer deixar o PSG. "Este não é o momento certo para explicar as minhas razões, e talvez eu nunca explique-as", disse, antes de exaltar o bom relacionamento que tem com os atletas.

Leia tudo sobre: carlo ancelottireal madridleonardoNasser Al- Khelaiffrançapsg

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas