Roni supera perda de irmão para realizar sonho no São Paulo

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Novo meia-atacante do São Paulo disse que o apoio da família foi importante para ele não desistir da carreira

Reprodução/Site oficial do São Paulo
Caramelo e Roni foram apresentados pelo São Paulo

O meia-atacante Roni estava exultante com a sua apresentação como reforço do São Paulo, na sexta-feira. Antes de se destacar pelo Mogi Mirim no Campeonato Paulista e ganhar a sua primeira oportunidade de defender um grande clube, o jogador de 21 anos enfrentou um problema emocional que colocou a sua carreira em risco.

"No ano passado, passei por um momento difícil na minha vida, com a perda do meu irmão. Graças a Deus, dei a volta por cima. A minha família me incentivou e me deu apoio para não desistir", contou, fortalecido após o episódio. "Cheguei ao São Paulo com muita força. Vou dar o meu máximo para conseguir um espaço, respeitando todos."

Roni também se motiva com alguns astros que encontrou no São Paulo. O jogador não se importou nem com o fato de o atacante Luis Fabiano e o zagueiro Lúcio terem sido contestados por punições recebidas na campanha fracassada na Copa Libertadores da América.

"Nunca imaginei jogar ao lado de Luis Fabiano e Lúcio. Estou realizando um sonho" definiu Roni, pronto para competir com quem admira por uma chance no setor ofensivo do time titular de Ney Franco. "Temos jogadores de Seleção ali, mas vou buscar o meu espaço, com muito respeito. Quando tiver a oportunidade, tentarei aproveitar", prometeu o reforço.

Leia tudo sobre: RoniSão Pauloigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas