Após derrota, Mourinho lamenta: “pior temporada da minha carreira”

Por iG São Paulo * |

compartilhe

Tamanho do texto

Após fracassos no Campeonato Espanhol e na Liga dos Campeões, o português viu Real Madrid perder título da Copa do Rei para o rival Atlético

Reuters
José Mourinho, técnico do Real Madrid

José Mourinho não esconde o abatimento com mais um título perdido na temporada 2012/13. Depois de fracassar no Campeonato Espanhol e na Liga dos Campeões, o português tentou salvar o Real Madrid com o título da Copa do Rei, mas acabou derrotado pelo rival Atlético de Madrid por 2 a 1 em pleno Santiago Bernabéu.

Leia também: Miranda faz gol do título do Atlético contra o Real na Copa do Rei

Após o revés na capital espanhola, o treinador merengue não hesitou na entrevista coletiva: "Uma carreira é formada por muitos anos. E esta é a pior temporada da minha carreira. Consegui uma final, uma semifinal, um segundo lugar e o título da Supercopa. Para mim é a pior".

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Mourinho, no entanto, aproveitou para lembrar que nunca fugiu da responsabilidade pelos maus resultados nos blancos, como na eliminação para o Borussia Dortmund e nas marcantes derrotas para o arquirrival Barcelona nos últimos anos.

"Nunca me escondi. Mesmo em vitórias importantes eu não apareci (para dar entrevistas). Mourinho sempre deu a cara a bater e em três temporadas, em todas as derrotas do Real Madrid, me coloquei à frente", destacou o português, que preferiu não comentar a expulsão durante a final desta sexta-feira em discussão com o árbitro Clos Gómez.

O treinador, contudo, não deixou de parabenizar o goleiro rival. Para o técnico, belga Thibaut Courtois, que pertence ao Chelsea, mas que se tornou ídolo no Atlético nas últimas temporadas, "parece ter um santo". Já sobre o resultado da partida, Mou lamentou os gols perdidos e os supostos erros de arbitragem."Estar empatando por 1 a 1 e ter três bolas na trave não é normal. Tínhamos que ter ganhado no tempo normal e não conseguimos. Criamos chances na prorrogação e não merecíamos o resultado, mas no futebol se esquece a arbitragem, as bolas na trave. Para a história o que interessa é o ganhador e o ganhador é o Atlético.

Sem a mesma irritação de vezes anteriores, José Mourinho voltou a deixar claro que ainda não sabe sobre o próprio futuro na próxima temporada. O técnico não se mostrou incomodado com as especulações sobre a chegada do italiano Carlo Ancelotti a Madri e lembrou também tem o nome ventilado para assumir o comando do Chelsea.

"Tenho contrato por mais três anos. Não me sentei com o presidente (Florentino Pérez) para falar de meu futuro. Para mim é normal que falem sobre Ancelotti, porque também falam eu irei para o Chelsea. Ainda temos duas partidas do Espanhol para jogar e precisamos respeitar os objetivos das equipes como Real Sociedad e Osasuna. Quando acabar, eu e o presidente vamos sentar para que os torcedores saibam o que vai acontecer", finalizou.

*Com Gazeta

Leia tudo sobre: real madridjosé mourinhofutebol mundialespanha

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas