Meia saiu de campo durante a vitória do Flamengo por 2 a 1 sobre o Campinense para dar lugar a Rodolfo

A vitória do Flamengo por 2 a 1 sobre o Campinense nesta quarta-feira trouxe a classificação na Copa do Brasil ao clube carioca, mas também teve momentos tensos. Renato Abreu mostrou irritação ao ser substituído por Rodolfo no segundo tempo, mas se mostrou mais tranquilo ao final do jogo.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Chateado não é a palavra. Não fiquei feliz na hora, mas depois entendi que faz parte. Em todos os momentos busquei ajudar, mas o técnico Jorginho conhece o time e é preciso respeitar suas decisões. O mais importante foi conseguir a classificação", declarou o meia.

Leia também: Flamengo bate Campinense por 2 a 1 e se classifica na Copa do Brasil

O veterano, porém, comemorou a vitória e a mudança de atitude do Rubro-negro na etapa final. "Resultado bom é a vitória. Não adianta ter um time bom e não dar resultado em campo. Nós estamos dando resultado. Podem dizer que o Campinense é fraco, mas na verdade é um time de muita velocidade. Nos adaptamos bem no segundo tempo e passamos a trabalhar a bola", comentou.

Já o estreante Paulinho, que substituiu Rafinha, se mostrou feliz por começar sua trajetória no Flamengo dando a assistência para Elias marcar o segundo gol. "Fiquei feliz com minha estreia. No lance do gol do Elias, dividi com o zagueiro, tentei dar um chapéu e a bola sobrou para ele bater de primeira e marcar o gol da vitória", afirmou o ex-XV de Piracicaba.

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.