Após longa negociação, Chelsea renova com Lampard por um ano

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Jogador começou a conversar com a equipe ainda em 2012, quando amargou a reserva

AP
Lampard, meia do Chelsea

Depois de incertezas e especulações, a diretoria do Chelsea bateu o martelo. Nesta quinta-feira, o clube londrino anunciou, de forma oficial, a renovação de contrato do meia Frank Lampard, que estendeu seu vínculo com os Blues por mais um ano.

Deixe seu recado e comente com outros leitores

"Frank tem sido um jogador importante para o Chelsea por um longo tempo e ele tem papel significante no sucesso do clube", disse o diretor executivo da equipe inglesa, Ron Gourlay.

O dirigente disse que as conversas se iniciaram no fim do último ano, quando Lampard amargou a reserva e passou a ser questionado no clube. "Nossas discussões foram sempre positivas. Nós estamos muito felizes por anunciar que ele permanece no clube até 2014".

Leia mais: Chelsea faz gol no fim, vence o Benfica e é campeão da Liga Europa

O experiente jogador, de 34 anos, não escondeu a felicidade por ter seu contrato renovado. "Todo mundo sabe que eu sempre mantive o sonho de ficar no Chelsea. Apesar da longa negociação, as conversas foram sempre amigáveis".

Lampard coleciona recordes com a camisa dos Blues. Além de ser o maior artilheiro da história do clube, é o terceiro jogador que mais vezes entrou em campo pelo Chelsea.

"Eu quero agradecer ao senhor Abramovich (presidente e proprietário do clube) por tudo que eles fez para transformar esse sonho em realidade. Eu amo este clube, a comissão técnica, os jogadores e, especialmente, os torcedores, que sempre me trataram de uma forma fantástica, desde o dia em que eu cheguei", afirmou Lampard.

Lampard deixou o West Ham rumo ao Chelsea em 2001. Desde então, conquistou uma Liga dos Campeões, três Campeonatos Ingleses, quatro Copas da Inglaterra, duas Copas da Liga Inglesa e, na última quarta-feira, o título da Liga Europa, contra o Benfica.

Leia tudo sobre: chelsealampardmercado da bolafutebol mundialinglaterra

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas