Ponte é absolvida por confusão e faz final do Troféu do Interior em seu estádio

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

O segundo jogo da final do Troféu do Interior, entre Ponte Preta e Penapolense, será disputado no próximo sábado

Nas quartas de final do Campeonato Paulista, em duelo envolvendo Ponte Preta e Corinthians no Moisés Lucarelli, a torcida da Macaca protagonizou uma confusão nas arquibancadas. O caso foi parar no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-SP) e, nesta segunda, o clube foi absolvido e vai poder decidir em casa o Troféu do Interior.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Conseguimos fazer justiça. Nosso departamento jurídico trabalhou muito bem e conseguiu provar, através de imagens e argumentos, que o clube não era o responsável pela confusão entre torcedores e policiais", comemorou o presidente Márcio Della Volpe, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

A confusão teria começado quando a torcida organizada da Ponte hostilizou um casal de corintianos que passava na arquibancada rival e provocou os torcedores que não estavam com a camisa do time. A polícia precisou intervir e quatro pessoas acabaram detidas. Além disso, 14 pessoas ficaram feridas.

O clube respondeu por "deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir desordens em sua praça de desporto", sendo enquadrada no artigo 253 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), mas conseguiu juntar provas que provaram sua inocência.

A final do Troféu do Interior acontece no próximo sábado. A partir das 18h30 (de Brasília), o estádio Moisés Lucarelli, conhecido como Majestoso, recebe o duelo entre Ponte Preta e Penapolense. O primeiro jogo terminou empatado em 0 a 0.

Leia tudo sobre: troféu do interiorponte preta

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas