Imprensa inglesa homenageia Ferguson e estima 15 mil chicletes mascados

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Técnico do Manchester United anunciou a sua aposentadoria do futebol no fim da temporada e vai exercer cargo executivo no clube inglês

Em meio aos números superlativos conquistados por Sir Alex Ferguson no Manchester United - 1497 partidas como técnico, ao longo de 27 anos e 38 títulos conquistados -, o Guardian calculou uma estatística curiosa e igualmente impressionante nesta quarta-feira, dia em que o treinador anunciou sua aposentadoria.

Leia mais: Técnico do Manchester United, Ferguson se aposenta no fim da temporada

Ferguson comemora conquista da Liga dos Campeões de 1999, diante do Bayern de Munique. Foto: Getty ImagesManchester United do técnico Alex Ferguson sofreu para fazer 1 a 0 no Sunderland. Foto:  Stu Forster/Getty ImagesTécnico do Manchester United foi homenageado com estátua. Foto: APDérbi também teve o duelo dos técnicos Alex Ferguson (esq), do United, e Roberto Mancini, do City. Foto: ReutersClima ficou quente e Ferguson (de costas) e Mancini discutiram. Foto: EFEReencontro com o ex-craque francês Cantona: dupla mudou o status do clube. Foto: Getty ImagesFerguson e Rooney. Foto: EFEAlex Ferguson não deu sorte no dia em que completou 70 anos. Foto: APTécnico Alex Ferguson foi homenageado pelos 70 anos de idade no Old Trafford. Foto: ReutersAlex Ferguson foi homenaeado por completar 25 anos como técnico do Manchester United. Foto: Getty ImagesTécnico do Manchester, Alex Ferguson, entrou com um time cauteloso no Emirates. Após o gol de Gerrard, colocou Rooney e Nani em campo, mas não conseguiu reverter o placar. Foto: Getty ImagesAntes da partida começar no estádio Old Trafford, Alex Ferguson, escolhido o melhor treinador da temporada, recebeu o troféu dentro do gramado. Foto: AFP

"Em um cálculo conservador", o jornal inglês estima que o treinador mascou cerca de 15 mil chicletes nas partidas em que esteve à frente da equipe - uma maneira encontrada por ele de aliviar a tensão. Mas a publicação não descarta que esse número possa chegar a 120 mil.

A maioria dos jornais ingleses tratou o treinador como uma "lenda" e se surpreendeu com a notícia, dando destaque para o fato nas primeiras páginas. Segundo o Daily Mail, "um emocionado Ferguson" avisou nesta manhã os jogadores sua decisão. Pouco depois, fez o anúncio para a comissão técnica e, mais tarde, para os demais funcionários. A diretoria já sabia da saída de antemão, segundo o veículo.

Já o The Independent chamou o treinador de "o melhor que já passou pela Inglaterra". O The Sun foi ainda mais longe: "Rei da Europa". Todas essas publicações fizeram também uma retrospectiva da passagem de Ferguson pelo Manchester United e divulgaram as palavras de agradecimento do treinador.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas