O cartola do PSG alega que é vítima da confusão com o árbitro Alexandre Castro nos vestiários do Parque dos Príncipes

Leonardo é cartola do PSG
Getty Images
Leonardo é cartola do PSG

A confusão entre Leonardo e o árbitro Alexandre Castro pode custar caro ao diretor esportivo do PSG. Imagens de TV mostraram o ex-jogador da seleção brasileira batendo com o ombro esquerdo no juiz, após o empate em 1 a 1 com o Valenciennes, já na saída para os vestiários. Diante dos fatos, a Liga Francesa suspendeu o brasileiro provisoriamente, mas ainda não definiu o tempo de gancho.

"A comissão disciplinar vai investigar a questão e, dada a gravidade dos fatos, suspende Leonardo provisoriamente a partir de quarta-feira, 8 de maio", notificou a Liga Francesa, em um comunicado oficial divulgado nesta terã-feira.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Ciente da possibilidade de uma punição de no máximo um ano, Leonardo alegou que é vítima da confusão nos vestiários do Parque dos Príncipes. "Vou lhe dizer uma coisa: eu é que fui agredido, e vou pedir que o delegado seja suspenso", afirmou o diretor do PSG ao jornal francês Le Parisien .

Outro brasileiro também foi punido após se desentender com Alexandre Castro. O zagueiro Thiago Silva recebeu uma suspensão de dois jogos pelo cartão vermelho recebido por encostar no árbitro depois de contestar uma decisão aos 42 minutos do primeiro tempo da partida contra o Valenciennes.

Desta forma, o jogador brasileiro está fora da partida contra o Lyon, no próximo domingo, além do confronto diante do Brest. Com sete pontos a mais do que o Olympique de Marselha, segundo colocado, o PSG conquista o título do Campeonato Francês com uma vitória neste domingo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.