Técnico levou o Mogi Morim à semifinal do Campeonato Paulista. Após dar sufoco e perder para Santos nos pênaltis, time se prepara para a Série C do Brasileirão

A campanha do Mogi Mirim, eliminado nos pênaltis pelo Santos nas semifinais do Campeonato Paulista, valorizou bastante Dado Cavalcanti. O jovem treinador preferiu não falar com clareza seus planos após a dolorosa derrota no Romildão.

Qual deve ser o futuro de Dado Cavalcanti? Comente

"É muito precoce, muito cedo para planejar o futuro. Tínhamos a perspectiva de ficar na competição, ir mais longe, mas caímos de pé. Agora é digerir a derrota", afirmou o técnico de 31 anos, cuja preocupação é dar uma sequência sem solavancos à carreira.

"As coisas sempre aconteceram de maneira natural. O que está guardado vai acontecer de maneira natural também. Acima de tudo, eu me desprendo de perspectivas futuras e procuro manter o foco no presente, no agora", acrescentou Cavalcanti.O presente tem a reapresentação dos jogadores na segunda-feira. Com o grupo em desmanche - algo que pode empurrar o técnico para outro clube -, alguns já se despedirão dos demais. Os outros ganharão uma semana de descanso.

Leia mais: Musa do Mogi corre para conhecer atletas antes do desmanche

Começa na segunda-feira seguinte a preparação do Sapão para a Série C do Campeonato Brasileiro. A equipe tem a sua estreia marcada para o dia 2 de junho, contra o Duque de Caxias, no Romildão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.