Jogadores não poderiam usar chuteiras no estádio Capwell, onde acontecerá a partida contra o Emelec na quinta-feira

O elenco do Fluminense treinou nesta quarta-feira em Guayaquil, no Equador, local da partida de quinta-feira contra o Emelec, pelas oitavas de final da Libertadores. No entanto, os tricolores trabalharam no campo do Barcelona-EQU, pois não poderiam usar chuteiras no estádio Capwell, por determinação da direção do time equatoriano. O técnico Abel Braga proibiu a presença da imprensa durante parte da movimentação dos cariocas.

Leia mais:  Sem Deco, Fluminense desembarca no Equador para jogo da Libertadores

Fluminense treina no CT do Barcelona de Guayaquil
Ricardo Ayres/Photocamera
Fluminense treina no CT do Barcelona de Guayaquil

Enquanto no Fluminense, a grande ausência é o atacante Fred, no Emelec, quatro titulares não vão encarar os cariocas. Mesmo assim, o atacante Rafael Sóbis pediu foco aos tricolores para não serem surpreendidos.

"O Emelec é uma equipe muito boa e que sabe atuar em casa. Precisamos ter muito cuidado para não sermos surpreendidos nesta quinta-feira. Não sei quais são os desfalques deles, mas não importa para a gente. Trabalhamos algumas situações de jogo independente disso", declarou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.