“Gigante brasileiro”, Cruzeiro é exaltado por adversário americano

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Equipe mineira fará amistoso nos Estados Unidos durante a parada do Brasileirão por conta da Copa das Confederações

Durante a parada no futebol nacional para a disputa da Copa das Confederações, o Cruzeiro irá para os Estados Unidos realizar uma inter-temporada. Além de manter o ritmo dos jogadores, a viagem servirá para alavancar a imagem do clube no mundo e o rival de um dos amistosos, o Fort Lauderdale Strikers, já ajuda a Raposa a ‘aparecer’.

Samuel Costa/Gazeta Press
Cruzeiro comemora na goleada sobre o Villa Nova

Usando o atacante Dagoberto e o meia Diego Souza como garotos-propaganda, o clube norte-americano publicou uma nota oficial confirmando o duelo com o "gigante brasileiro" para o dia 23 de junho. Os Strikers ainda exaltaram a história celeste, com destaque para a Tríplice Coroa de 2003 (Campeonato Mineiro, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro).

"Estamos honrados em receber um clube e uma organização tão respeitado como o Cruzeiro. Eles têm uma tradição incrível, como um dos maiores clubes na história do futebol brasileiro, com jogadores capazes de jogar no mais alto nível em qualquer lugar do mundo. A partida será especial para todos os fantásticos fãs de futebol no sul da Flórida", vibrou o presidente Tom Mulroy.Ao citar ídolos da Raposa, os Strikers lembram do feito de Tostão em 1966 ao derrotar o Santos de Pelé. Outro nome marcante exaltado pelos norte-americanos foi o de Ronaldo, coadjuvante na conquista da Copa do Brasil de 1993. Do elenco atual, Dedé, Tinga e Diego Souza foram colocados como protagonistas.

Os Strikers também anunciaram que os ingressos custarão a partir de U$ 15 (R$ 30). Depois de atuar no estádio Lockhart às 18 horas (de Brasília) do dia 23, o Cruzeiro terá pela frente os mexicanos do Monarcas Morelia, em Chicago, também nos Estados Unidos.

Leia tudo sobre: cruzeirostrikerscopa das confederações

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas