Zagueiro palmeirense foi inscrito para a fase de oitavas de final da Libertadores, com a camisa 12

A única atuação como profissional, marcando gol contra aos 40 segundos de jogo e abrindo a derrota por 6 a 2 para o Mirassol, comprometeu a temporada de Marcos Vinícius. O zagueiro de 21 anos não está mais inscrito pelo Palmeiras na Libertadores, dando sua vaga para André Luiz, que destaca exatamente seus 33 anos de idade como trunfo.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

"Estou muito feliz. Será minha primeira participação em Libertadores e uma oportunidade muito boa, pois o Palmeiras já está nas fases eliminatórias da competição. Espero ajudar com a minha experiência", comentou o defensor, que estava no Nancy, da França, e chegou ao Verdão em meio à disputa da fase de grupos do torneio continental.

André Luiz atuará com a camisa 12, que foi de Marcos Vinícius ao longo da fase inicial. Gilson Kleina tinha garantido o zagueiro como uma das três novidades a que tem direito nas oitavas de final. O técnico ainda não confia não só em Marcos Vinicius, mas no também garoto Luiz Gustavo, que segue entre os inscritos - o volante Marcelo Oliveira já foi improvisado na zaga só para os inexperientes defensores não serem usados.

A inscrição de André Luiz se tornou ainda mais fundamental com o desfalque de Vilson por ao menos um mês - o zagueiro passou por artroscopia no joelho esquerdo na segunda-feira. "O Vilson teve a infelicidade de se contundir, é uma situação triste, mas estou preparado e trabalhando forte para ajudar o clube", ratificou o zagueiro, que já atuou seis vezes pelo Verdão, todas pelo Campeonato Paulista.

Gilson Kleina abriu mão de uma das alterações a que tinha direito, podendo fazer mais uma troca caso a equipe passe pelo Tijuana, do México. A outra novidade na lista já tinha sido anunciada pelo treinador: o meia Serginho, vindo do Oeste, assume a camisa 20 que era de Edilson, jogador que se destacou na última Copa São Paulo de Futebol Júnior, mas ainda trata de lesão no tornozelo direito.

"É a realização de um sonho. Estou muito empolgado. Tenho apenas 22 anos e já vou disputar um campeonato como a Libertadores", comemorou Serginho, que, assim como André Luiz, deve ser relacionado para o jogo de terça-feira, contra o Tijuana, no México. "Estou bem fisicamente. Se o Kleina optar por mim, estou pronto. Não quero saber de viagem longa, grama sintética, nem nada", avisou o recém-contratado meia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.