O atacante foi sorteado para realizar o exame anti-doping e deveria seguir direto para o local onde as amostras são coletadas, mas foi para o vestiário do Corinthians

A derrota por 2 a 1 para o Linense no dia 14 de abril serviu para despertar o Corinthians na temporada, mas ainda traz alguns prejuízos para Emerson Sheik. O atacante não cumpriu o protocolo exigido para a realização do exame anti-doping no estádio Gilberto Siqueira Lopes e foi multado pelo Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD/SP) em R$ 1 mil.

O atacante do Corinthians foi sorteado para realizar o exame anti-doping no estádio em Lins e deveria seguir direto para o local onde as amostras são coletadas. O camisa, no entanto, foi primeiro ao vestiário do Corinthians, fato proibido pelo TJD e pelo Controle de Dopagem.


A atitude fez com que Sheik fosse denunciado no artigo 191 I e II do CBJD, por "deixar de cumprir, ou dificultar o cumprimento de obrigação legal, de deliberação, resolução, determinação, exigência, requisição ou qualquer ato normativo ou administrativo do CNE ou de entidade de administração do desporto a que estiver filiado ou vinculado".

A multa para Emerson poderia ficou em R$ 1 mil, com prazo de dez dias para o pagamento. Alegando estar dedicado às partidas decisivas do Timão nas próximas semanas, o atacante não compareceu ao julgamento, mas enviou um vídeo com seu depoimento para reforçar a defesa feita pelo advogado João Zanforlim.

"Fui abordado por uma rapaz do controle anti-doping. Não fui ao encontro dele, porque tinham muitos torcedores invadindo o gramado, comemorando a vitória da equipe local. Ele pediu que eu me dirigisse ao lado que estava a torcida local. Por motivo de segurança, fui até o vestiário e essa pessoa me acompanhou durante todo tempo. Inclusive sentei na sala de aquecimento com ele ao meu lado e depois fui até o controle de doping. Não teve travessura nenhuma. Foi apenas uma questão de segurança", garantiu Sheik, segundo afirmou o site Justiça Desportiva.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.