Tamanho do texto

Partida em Campinas será no fim de semana anterior ao jogo de ida pelas oitavas da Libertadores em Buenos Aires

Tite faz sua oração antes da partida contra o Atlético Sorocaba
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Tite faz sua oração antes da partida contra o Atlético Sorocaba

O técnico Tite não se mostrou otimista com a possibilidade, mas pediu que o confronto entre Ponte Preta e Corinthians, pelas quartas de final do Campeonato Paulista, seja marcado para o próximo sábado. Na quarta-feira seguinte, o Corinthians vai enfrentar o Boca Juniors, em Buenos Aires, pelas oitavas de final da Copa Libertadores.

Leia também: Corinthians faz 2 a 0 no Atlético Sorocaba e pega a Ponte nas quartas

"Eu vou preparar a equipe para domingo, mas estou pedindo que seja no sábado. Vamos jogar na Argentina na quarta-feira. Se alguém se machucar no domingo, não vai dar tempo para a recuperação", afirmou o treinador, crítico frequente do calendário do futebol brasileiro.

Dos confrontos das quartas de final, é certo que Santos x Palmeiras será no sábado, já que o time alviverde tem jogo das oitavas de final da Libertadores na terça seguinte, no México. Ponte Preta x Corinthians ou São Paulo x Penapolense será a partida da TV aberta no domingo.

Seja qual for a data, será lembrança constante o embate na mesma etapa do Estadual do ano passado. O Timão acabou derrotado no Pacaembu pela Macaca e foi eliminado, resultado visto como decisivo no crescimento da equipe que seria campeã sul-americana e mundial na sequência da temporada.

Neste ano, na única partida entre Ponte e Corinthians, levou a melhor a formação campineira mais uma vez. "Tabu não vale nada, é dado estatístico. Se valesse, nós não teríamos perdido para a Ponte nem ganhado do Boca Juniors na final da Libertadores", comentou Tite.

Seus jogadores adotaram a mesma linha de raciocínio. "Aquela derrota para a Ponte serviu de lição, mas agora é outro jogo. Vamos jogar em Campinas, mas temos condições de buscar a classificação no campo deles", apostou o volante Paulinho.