Federação Cearense suspende torcidas organizadas de Ceará e Fortaleza

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Entidade decidiu vetar a presença das torcidas das duas equipes em razão da morte de dois torcedores do Ceará no último domingo

Twitter/Reprodução
Torcedores do Fortaleza são revistados pela polícia cearense antes do clássico do último domingo

A Federação Cearense de Futebol (FCF) publicou uma resolução na madrugada desta quarta-feira que suspende a presença de duas torcidas organizadas de Ceará e Fortaleza nos estádios cearenses. Segundo a Federação, a medida atende a uma recomendação feita pelo Núcleo do Desporto e Defesa do Torcedor (Nudetor), órgão ligado ao Ministério Público do Ceará.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O MP Cearense entrou em ação após a morte de dois torcedores do Ceará - Glauber de Souza Damasceno e Felipe Mesquita Sousa - antes do clássico contra o Fortaleza, no último domingo. O crime teria sido cometido por torcedores da Jovem Garra Tricolor (JGT), na Avenida Bernardo Manuel, momentos antes da partida.

"Para a JGT, tendo em vista a reincidência na constante prática de atos delituosos, motivo pelo qual já sofreu punição administrativa no ano de 2012, o prazo de suspensão deve ser de 90 (noventa) dias. Para a Cearamor, a suspensão deve ser válida por 60 (sessenta) dias. As suspensões devem ter validade para todo o território nacional", relata o documento.

Veja também: Torcedores do Ceará são mortos antes de clássico com o Fortaleza

De acordo com o Ministério Público, a medida ainda tenciona prevenir novos episódios de violência envolvendo as duas torcidas organizadas, além de "interromper um ciclo de revides e de vingança entre seus integrantes". Os torcedores só serão barrados na entrada dos estádios se estiverem portando adereços que os identifiquem como integrantes da JGT ou da Cearamor. A Federação Cearense também notificará Ceará e Fortaleza, para que os clubes não forneçam ajuda, como doação de ingressos, às torcidas durante o período da suspensão.

Ainda no domingo, a polícia cearense prendeu Francisco Romário da Costa de Santiago. Na noite desta terça-feira, Leandro Alves do Vale também foi preso.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas