Desabamento no estádio do Palmeiras mata uma pessoa e deixa outra ferida

Por Bruno Winckler - iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Bombeiros confirmaram o incidente na manhã desta segunda-feira no canteiro de obras da Nova Arena Palestra

Futura Press
Bombeiros foram acionados para socorrer funcionários na Arena Palestra após desabamento

Uma pessoa morreu e outra ficou ferida no desabamento de uma laje nas obras da Nova Arena, futuro estádio do Palmeiras, na zona oeste de São Paulo. A vítima fatal é Carlos de Jesus, de 34 anos. O outro operário atingido sofreu escoriações leves e foi levado ao hospital.

Leia mais: Morte na Arena Palestra é a terceira em obras de estádios neste ano

Toda a obra da Arena ficará parada nesta segunda-feira, por decisão dos operários. A partir de terça, somente as obras do local onde ocorreu o acidente seguirão fechadas, até o fim da investigação, que segundo os bombeiros, não têm um prazo para terminarem. Essa área, entre os eixos 20 e 32, tem cerca de 4,8 mil metros quadrados.

Foto aérea do Allianz Parque, novo estádio do Palmeiras, em julho de 2013. Foto: DivulgaçãoFoto aérea da obra do Allianz Parque, novo estádio do Palmeiras, em julho de 2013. Foto: DivulgaçãoCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGCom 66% de conclusão, nova arena do Palmeiras já ganha "cara de estádio" e tem camarote decorado. Foto: Pedro Taveira/iGBombeiros foram acionados para socorrer funcionários na Arena Palestra após desabamento de parte da arquibancada. Foto: Futura PressArena Palestra. Foto: DivulgaçãoA primeira treliça da cobertura da Arena Palestra foi instalada no dia 31 de outubro. Foto: João Pontes/iGCada treliça pesa cerca de 160 toneladas. Foto: João Pontes/iGA primeira treliça da cobertura da Arena Palestra foi instalada no dia 31 de outubro. Foto: DivulgaçãoCada treliça pesa cerca de 160 toneladas. Foto: DivulgaçãoA cobertura do estádio do Palmeiras deve ficar pronta em maio de 2013. Foto: DivulgaçãoO antigo Palestra Itália foi fechado ainda em 2010 para o começo das obras. Foto: Divulgação / PalmeirasO primeiro passo foi demolir uma parte do estádio antigo. Foto: Divulgação / PalmeirasNem o lugar onde ficava a "turma do amendoim" ficou de pé. Foto: Guilherme Tosetto, iG São PauloPor exigência da prefeitura, contudo, o anel da arquibancada não pôde ser posto abaixo. Foto: Divulgação / PalmeirasUmas das fundações para as novas arquibancadas é colocada . Foto: Divulgação / PalmeirasNo início, o Palmeiras até tentou candidatar o futuro estádio a ser umas das sedes da Copa do Mundo, mas a ideia acabou descartada. Foto: Divulgação / PalmeirasAlém do estádio em si, a Wtorre se comprometeu a construir um prrédio administrativo (f) e um multiuso. Foto: Guilherme Tosetto, iG São PauloEx-goleiro Marcos admira a maquete do novo estádio do Palmeiras. Foto: Gazeta PressAinda em 2011, o primeiro pilar das novas arquibancadas foi erguido. Foto: Divulgação / PalmeirasO campo do estádio palmeirense virou um enorme canteiro de obras. Foto: Divulgação / PalmeirasEm fevereiro, vários pilares já estavam erguidos. Foto: Divulgação / PalmeirasVista de bloco de escadas da Arena Palestra. Foto: Divulgação / PalmeirasOs operários trabalham na obra de segunda a sábado, em horário comercial. Foto: Divulgação / PalmeirasEsqueleto da arquibancada recebe os primeiros degraus. Foto: Divulgação / PalmeirasParte, prevista da obra, um prédio multiuso do Palmeiras já foi entregue. Foto: Divulgação / PalmeirasPara lembrar do antigo Palestra Itália, a diretoria anunciou a venda de réplicas em escala do estádio. Foto: PalmeirasVista externa do anel antigo da arquibancada, que não pode ser demolido. Foto: Divulgação / Palmeiras

Deixe seu comentário para esta notícia

Nilton Miranda, tenente-coronel do Corpo de Bombeiros, explicou que quatro vigas cederam, causando o desabamento de uma laje. 

Segundo Jair Paca de Lima, coordenador da Defesa Civil do município, esse tipo de ocorrência nâo é surpresa. "Obras desse porte sempre têm riscos de acidente. Houve um colapso da estrutura, e agora haverá uma perícia técnica para se chegar ao responsável por esse acidente", disse ele.

Rogério Pereira dos Santos, que começaria a trabalhar nas obras nesta segunda-feira, conta que ouviu o barulho do desabamento enquanto participava de uma palestra sobre segurança no trabalho. No momento do acidente, cerca de 500 operários trabalhavam na obra. Cinco deles estavam no local do acidente, e três conseguiram escapar ilesos.

Veja também: Justiça ordena perícia que pode gerar demolição na Arena Palestra

O novo estádio do Palmeiras começou a ser construído em outubro de 2010 e boa parte do antigo Parque Antártica foi demolido no processo. As obras seguiam bom ritmo, com a inauguração do prédio administrativo do clube já realizada. A construção do estádio em si começou há um ano. Ele terá capacidade para 45 mil torcedores. 

Construtora promete assistir família da vítima
A WTorre, construtora responsável pela arena, confirmou o corrido e disse que as causas do desabamento ainda não foram determinadas. Lei abaixo o comunicado da empresa na íntegra.

A WTorre Engenharia e Construção S/A lamenta informar que na manhã desta segunda-feira um acidente nas instalações da Nova Arena Palmeiras causou a morte de um operário vinculado a uma das empresas prestadoras de serviço no empreendimento. Na oportunidade, um outro trabalhador teve escoriações leves e está sob cuidados médicos.

A WTorre Engenharia e Construção S/A já colocou à disposição dos familiares das vítimas todo a assistência necessária.

As causas do acidente estão sob investigação, e ainda não é possível apontar os motivos da ocorrência.

Tão logo tenha informações mais detalhadas sobre o fato, a WTorre Engenharia e Construção S/A vai torná-las disponíveis à opinião pública.

Leia tudo sobre: palmeirasnova arenaarena palestraigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas