Atlético-PR sub-23 bate o J. Malucelli com placar magro e segue na liderança

Por Gazeta |

compartilhe

Tamanho do texto

Douglas Coutinho fez o único gol da partida, que ainda teve um pênalti desperdiçado pelo Malucelli

Com um placar magro, o time sub-23 do Atlético Paranaense venceu o J.Malucelli por 1 a 0, no Ecoestádio Janguito Malucelli, e tirou o adversário da luta pelo título do returno do Campeonato Paranaense 2013. Com o resultado, o Rubro-Negro segue na ponta, um ponto a frente do Londrina, faltando apenas duas rodadas para o final do turno.

O Furacão abriu o placar aos 12 minutos, com Douglas Coutinho, que recebeu de Crislan e fuzilou para balançar as redes. Depois do intervalo, Potita perdeu pênalti para o Jotinha, aos 20 minutos, desperdiçando uma grande oportunidade quando o time já tinha um jogador a menos.

Na próxima rodada, o J.Malucelli vai ao norte do Estado, onde encara o Londrina, domingo, no Estádio do Café. Já o Atlético Paranaense disputará o clássico diante do Coritiba, no mesmo dia, em local ainda não definido.

Heuler Andrey/Agif/Gazeta Press
Douglas Coutinho marcou na vitória do Atlético-PR

O jogo
A partida começou equilibrada, com o Jotinha com maior posse de bola, mas o Furacão bem postado esperando para sair no contra-ataque. Aos quatro minutos, Bruno Batata subiu na área com liberdade para testar firme e obrigar Santos a fazer grande defesa. Porém, já estava impedido. Aos 11 minutos, Andrezinho arriscou de longe e a bola subiu demais, passando por cima da meta.

A resposta atleticana, no entanto, foi fatal. Aos 12 minutos, Douglas Coutinho dominou na área e fuzilou para abrir o placar. O Jotinha tentava assimilar o golpe e seguiu no ataque. Aos 17 minutos, Fernando Gomes recebeu em boa posição e chutou para muito longe. O Rubro-Negro tocava a bola no meio-campo, sem conseguir progredir.

Muita reclamação aos 26 minutos, após falta forte de Fernando Gomes. O árbitro deu apenas cartão amarelo. Aos 30 minutos, Hernani chutou forte de fora da área, pela linha de fundo. O J.Malucelli buscava a pressão com Potita e Bruno Batata, que estavam bem marcados. Falta na lateral da párea, e Zezinho cruzou errado, facilitando a defesa. Aos 44 minutos, Artur recebeu o segundo amarelo e foi mais cedo para o chuveiro.

Para a etapa final, o Jotinha retornou com Alex Fraga no lugar de Fabinho. Aos três minutos, Léo abriu espaço para disparar o chute, mas errou o alvo. Com superioridade numérica, o Furacão dominava as ações e tocava a bola esperando para armar o bote. Aos cinco minutos, Douglas Coutinho recebeu passe de Héracles, e arrematou sem perigo.

Sem muitas chances depois do intervalo, o J.Malucelli chegou com Potita, aos 12 minutos, aproveitando contra-ataque, mas chutando muito forte, para fora. Aos 16 minutos, Potita cobrou falta e a bola bateu na rede, pelo lado de fora, com perigo. Aos 19 minutos, depois de cobrança de escanteio, Alex Fraga foi derrubado na área. Pênalti. Na cobrança, Potita parou nas mãos de Santos.

Depois do susto, o Atlético acordou, mas o jogo era equilibrado. Aos 27 minutos, Potita partiu para cima, mas esqueceu a bola nos pés de Coutinho. Aos 36 minutos, Diego Alemão subiu na área e cabeceou par amais uma grande intervenção de Santos. O ritmo caiu, o que facilitou o trabalho do Rubro-Negro. Aos 44 minutos, Diego Alemão recebeu na área e só recuou para Santos.

Outros Jogos - Mais três partidas agitam a nona rodada da Série Ouro. O Londrina também fez sua parte na luta pelo título e bateu o ameaçado Paranavaí, por 4 a 0, Estádio Waldemiro Wagner, com gols de Neílson, três vezes, e Dirceu. O Operário desperdiçou sua chance de seguir na briga ao ficar perder por 1 a 0 para o já rebaixado Nacional, em pleno Estádio Germano Krüger. O Toledo bateu o Cianorte por 1 a 0 em duelo direto contra o rebaixamento.

FICHA TÉCNICA
J. MALUCELLI 0 X 1 ATLÉTICO PARANAENSE

Local: Ecoestádio Janguito Malucelli, em Curitiba (PR)
Data: 14 de abril de 2013, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Rodolpho Toski Marques
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Diogo Morais
Cartões amarelos: Artur, Fernando Gomes, Diego Alemão (J.Malucelli); Bruno Costa, Hernani, Douglas Coutinho (Atlético)
Cartões vermelhos: Artur, Tomas (J.Malucelli)

Gols: ATLÉTICO: Douglas Coutinho, aos 12 minutos do primeiro tempo.

J.MALUCELLI: Fabricio; Allison, Diego Alemão, Tiago Alencar (William) e Tomas; Artur, Fernando Gomes (Alisson), Fabinho (Alex Fraga) e Andrezinho; Bruno Batata e Potita
Técnico: Sandro Forner

ATLÉTICO: Santos; Léo, Rafael Zuchi (Erwin), Bruno Costa e Héracles; Renan Foguinho (Renato), Hernani e Zezinho; Crislan, Edigar Junio (Marcos Guilherme) e Douglas Coutinho
Técnico: Arthur Bernardes

Leia tudo sobre: Atlético-PR

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas