Albino Pinto sofre com dores no abdômen, por conta de um leve estreitamento no ureter, canal que liga o rim à bexiga

Especulado em outros clubes, o zagueiro vascaíno Dedé pode passar por uma operação em breve. De acordo com Albino Pinto, médico do clube, o jogador pode parar por 15 dias por conta de dores no abdômen.

Dedé pode ser operado e ficar duas semanas de fora
FERNANDO SOUTELLO / Agif/Gazeta Press
Dedé pode ser operado e ficar duas semanas de fora

“Ele vai continuar jogando normalmente, mas existe a possibilidade dele passar por uma correção muito pequena. Ele voltaria da operação entre 10 e 15 dias. Isso deve ser definido na semana que vem”, declarou o médico em entrevista à Rádio Manchete.

O defensor vem convivendo com as dores eventuais, decorrentes de um leve estreitamento no ureter, canal que liga o rim à bexiga. O jogador vem sendo avaliado para determinar se a operação será necessário, mas Dedé deve atuar até o final da Taça Rio.

Eliminado no Campeonato Carioca, o Cruz-maltino só atua em mais duas partidas pelo estadual. A estreia no Campeonato Brasileiro será dentro de 45 dias: no dia 26 de maio, a equipe enfrenta a Portuguesa pela competição.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.