Time assumiu liderança geral do Carioca, o que dá vantagem de dois resultados iguais caso exista uma final da competição

O Dia

Jogadores do Botafogo comemoram gol na vitória por 3 a 1 sobre o Friburguense
Bruno Turano/Gazeta Press
Jogadores do Botafogo comemoram gol na vitória por 3 a 1 sobre o Friburguense

Atuando em Moça Bonita, o Botafogo venceu o Friburguense por 3 a 1. Com o resultado, o Alvinegro conseguiu dois objetivos: assumir a liderança geral do Carioca, o que o dá vantagem de dois resultados iguais caso exista uma final da competição, além de carimbar a vaga para as semifinais da Taça Rio.

A partida começou com o Botafogo em cima. Aos dois minutos, Fellype Gabriel quase fez o primeiro de cabeça, mas Adilson defendeu. Aos oito, boa jogada de Julio César, mas a zaga impediu a finalização de Lodeiro.

Aos 14 minutos, o Botafogo conseguiu abrir o placar. Após escanteio, Adilson cortou mal e Bolívar acertou belo chute no ângulo, abrindo o placar para o Alvinegro. O segundo quase saiu aos dezenove. Fellype Gabriel recebeu livre, mas preferiu tocar para Rafael Marques e a defesa chegou antes.

Aos 31, Fellype Gabriel conseguiu marcar o dele. Diego Guerra recuou mal, o apoiador aproveitou, fintou o goleiro e fez o segundo do Botafogo na partida. O alvinegro seguiu melhor na primeira etapa e quase ampliou com Rafael Marques e Lodeiro, mas o ataque do Botafogo parou na trave e na rede pelo lado de fora.

O segundo tempo começou e o Botafogo com uma boa vantagem deu uma diminuida no ritmo. Aos três minutos, o Friburguense teve uma boa chance com Marcelo cobrando falta. Dois minutos depois, uma grande chance para o time da Serra foi perdida por Lohan cara a cara com Jefferson, mas o goleiro fez boa defesa.

Aos oito minutos, nova chance perdida por Lohan. O jogador recebeu de Romulo, livre, e isolou na frente do gol alvinegro. O Botafogo seguia com pouca atenção e o Friburguense perdeu gols. Aos 14 minutos, Marcelo cobra falta para área e a bola passa por todo mundo, sobrando para Jefferson defender.

Aos 18 minutos, o Botafogo chegou pela primeira vez no segundo tempo. Seedorf cobrou falta e Adilson fez boa defesa salvando o time de Friburgo de levar mais um gol. Só que o Friburguense mandava na partida, mas não conseguia converter suas chances em gols. Aos 22, Marcelo recebeu belo passe, mas Jefferson saiu bem do gol e evitou que o Frizão diminuisse a vantagem. Como quem não faz, leva, Vitinho, marcou o terceiro gol para o Botafogo.

O Friburguense ainda conseguiu marcar um gol com Marcelo, em um contra-ataque puxado por Lohan. O atacante bateu e Jefferson não conseguiu defender. Apesar disso, o time de Friburgo não tinha tempo para mudar o panorama da partida que terminou com vitória tranquila botafoguense.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 3 X 1 FRIBURGUENSE

Local : Moça Bonita, no Rio de Janeiro(RJ)
Data : 10 de abril de 2013, quarta-feira
Horário : 16 horas (de Brasília)
Árbitro : Daniel de Sousa Macedo
Assistentes : Francisco de Sousa e Diogo Silva
Renda : R$ 21.240,00
Público : 1.098 pagantes
Cartões amarelos : Marcelo Mattos, Edílson, Dória e Bolívar (Botafogo); Rômulo (Friburguense)

GOLS - BOTAFOGO: Bolívar, aos 14min do primeiro tempo; Fellype Gabriel, aos 31min do primeiro tempo; Vitinho, aos 35min do segundo tempo; FRIBURGUENSE: Marcelo, aos 40min do segundo tempo

BOTAFOGO : Jéfferson, Edílson, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel, Fellype Gabriel (Vitinho), Lodeiro (Lucas) e Seedorf; Rafael Marques (Renato)
Técnico : Oswaldo de Oliveira

FRIBURGUENSE : Adilson, Sergio Gomes, Cadão, Diego Guerra e Flavinho; Bidu, Lucas, Marcelo e Jorge Luiz; Ziquinha (Lohan) e Rômulo
Técnico : Gerson Andreotti

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.