Eu acho que o segundo gol foi de impedimento. Talvez vocês possam me confirmar essa informação", disse o treinador

A vitória do Corinthians não era propriamente ameaçada quando Guerrero matou o jogo, aos 42 minutos do segundo tempo, fechando o 2 a 0 sobre o São Bernardo. Por isso, Tite, que gosta de se colocar como alguém que ajuda o futebol, sentiu-se à vontade para apontar impedimento de Romarinho na jogada e ganhar credibilidade em suas reclamações sobre arbitragem.

Leia mais: Corinthians supera problemas físicos e derrota o São Bernardo

"Eu acho que o segundo gol foi de impedimento. Talvez vocês possam me confirmar essa informação", disse o treinador, que não conseguiu uma resposta dos repórteres porque eles não tinham visto o lance na televisão. "Não importa. Minha visão é de impedimento, o Romarinho estava voltando."

A posição de Tite, no campo de defesa do Timão, não ajuda na observação. E as imagens de televisão não são claras, porque não pegam o momento do cabeceio de Guilherme, mas realmente sugerem uma posição irregular do camisa 31 alvinegro.

O lance era do bandeirinha Fábio Rogério Baesteiro. O que permitiu ao treinador do Corinthians apontar erros constantes do juiz Marcelo Prieto Alfieri contra o campeão mundial, fazer campanha contra ele e apontar que ele só se mostrava enérgico com os atletas da casa.

"Eu não gostaria que os critérios fossem diferentes. Ele queria mostrar personalidade, mas só de um lado. Por exemplo, deu cartão ao Chicão por reclamação. E não fez o mesmo quando o Guerrero sofreu falta na beirada da área, nem deu falta. Por isso, é preciso ter cuidado na escalação dos árbitros para os jogos importantes", disse Tite, fazendo força por juízes experientes nas partidas do Timão nos mata-matas.

De acordo com o gaúcho, Alfieri passou do ponto com um de seus atletas. "O árbitro não pode ficar ameaçando o Jorge Henrique dentro do jogo, não tem esse direito. Não tem, não tem, não pode. Apite. Não pode coagir", afirmou o técnico, antes de repetir que o Alvinegro é a equipe mais disciplinada do Estadual. "E acho que pelo terceiro ano seguido."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.